Renault: R$ 1,1 bilhão no Brasil com cinco lançamentos até 2022

COMPARTILHE!

Renault: R$ 1,1 bilhão no Brasil com cinco lançamentos até 2022

A Renault anunciou um investimento de R$ 1,1 bilhão em sua operação brasileira, sediada em São José dos Pinhais-PR. Com esse montante, a marca francesa pretende renovar o portfólio e introduzir um novo motor.

No caso da gama nacional da Renault, a marca francesa pretende fazer cinco lançamentos até o final de 2022, sendo que um deles implica em um investimento maior, sendo esse o Captur Turbo.

Neste investimento, a Renault aplicará uma parte na produção do propulsor H5Ht, que também é conhecido como M282 na Mercedes-Benz.

Renault: R$ 1,1 bilhão no Brasil com cinco lançamentos até 2022

Trata-se de um motor de quatro cilindros de construção modular (como o Firefly da Fiat, por exemplo), com 1.332 cm3, turbocompressor e injeção direta (flex aqui).

Esse motor deve alcançar 170 cavalos no etanol e pouco mais de 160 cavalos na gasolina, tendo um torque entre 25,5 kgfm e 26,5 kgfm. Já outros lançamentos envolvem ainda dois modelos elétricos, sendo que um deles poderá ser a nova geração do Zoe.

Quanto ao outro, ainda não se sabe nada, mas poderia ser o próximo crossover elétrico da Renault ou, numa atitude mais ousada, eletrificar o próprio Kwid com o K-ZE, o que faria do produto o mais barato do mercado.

Renault: R$ 1,1 bilhão no Brasil com cinco lançamentos até 2022

Como tem valor agregado maior que o subcompacto, seria impactante em imagem da marca e vendas de carros elétricos, dependendo do preço. Por fim, o próprio Kwid precisa de atualização e está já foi vista na Índia.

Para dar continuidade ao processo de mudanças por aqui, a Renault deve fazer um investimento maior para produção de um SUV de porte médio baseado no Dacia Bigster.

Este pode ser um rival direto para Compass, Taos e outros, baseado no conceito romeno e com acabamento em padrão da Renault francesa. Isso colocaria a marca numa faixa que promete esquentar e ainda poderia adicionar uma versão longa adiante, com sete lugares.

Renault: R$ 1,1 bilhão no Brasil com cinco lançamentos até 2022

Logan e Sandero devem ficar para mais adiante, com padrão melhor de valor agregado maior que o atual. A picape Oroch também deve se beneficiar das mudanças a partir de 2024 com a CMF-B, após facelift e com o Duster de nova geração.

Já o Kiger precisa de um ambiente rentável para a Renault, mas com potencial de ser um produto de boa aceitação e margem aceitável. A Renault tem o potencial para inundar o mercado com SUVs, a exemplo da VW.

 

© Noticias Automotivas. A notícia Renault: R$ 1,1 bilhão no Brasil com cinco lançamentos até 2022 é um conteúdo original do site Notícias Automotivas.

Notícias Automotivas
Read More