Grávida é submetida a parto de emergência após contrair Covid-19 e é curada após uma semana na UTI em Alta Floresta

COMPARTILHE!

Uma jovem grávida de 7 meses foi submetida a um parto de emergência após ser diagnosticada com a Covid-19 em Alta Floresta, no dia 19 de março. Após uma semana em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI), Bruna Luiza Cardoso, de 24 anos, recebeu alta.

O bebê dela precisou ser transferido para o Hospital Júlio Muller, em Cuiabá, logo após o parto. Heitor Cardoso continua internado em uma UTI neonatal tratando de uma pneumonia.

“Ele já está melhorando. Os médicos começaram a retirar os sedativos e estão retirando também o oxigênio para ver como ele vai reagir”, contou a avó Marli Ferreira Cardoso, que acompanha o neto no hospital.

Bruna Cardoso foi submetida a parto de emergência aos 7 meses de gestação — Foto: Marli Cardoso/Arquivo pessoal

Bruna estava bem durante a gestação, segundo a família. No entanto, ao completar 32 semanas, contratiu o coronavírus e foi internada. Devido à gravidade, os médicos avaliaram que era preciso retirar a criança.

A mãe não chegou a ver o filho. Os dois foram encaminhados para UTI. No entanto, responderam bem ao tratamento.

Heitor é acompanhado pela avó na UTI neonatal — Foto: Marli Cardoso/Arquivo pessoal

Heitor é acompanhado pela avó na UTI neonatal — Foto: Marli Cardoso/Arquivo pessoal

Na semana passada, durante a saída do hospital, Bruna aplaudida pelos profissionais de saúde que cuidaram dela durante o tratamento.

Bruna Cardoso aguarda recuperação do filho para reencontrá-lo — Foto: Marli Cardoso/Arquivo pessoal

Bruna Cardoso aguarda recuperação do filho para reencontrá-lo — Foto: Marli Cardoso/Arquivo pessoal

Agora ela segue em recuperação em casa e espera reencontrar o filho. Marli disse que ainda não há previsão de alta do bebê e nem de reencontro da família.

“Eles começaram ontem a retirar os sedativos, mas isso precisa ser devagar. Esperamos que até o fim de semana ele melhore, pois precisa se recuperar bem”, ressaltou a avó.

Fonte: https://g1.globo.com/mt/mato-grosso/noticia/2021/04/13/gravida-e-submetida-a-parto-de-emergencia-apos-contrair-covid-19-e-e-curada-apos-uma-semana-na-uti.ghtml