Mulher que obrigou usuário de drogas a ingerir veneno é localizada e presa pela Polícia Civil

Mulher que obrigou usuário de drogas a ingerir veneno é localizada e presa pela Polícia Civil
COMPARTILHE!

Mulher que obrigou usuário de drogas a ingerir veneno é localizada e presa pela Polícia Civil

A suspeita teve a ordem judicial decretada pelo juízo da Comarca local por tentativa de homicídio qualificado provocada por envenenamento


Christiane Fortunato

| Polícia Civil-MT

Uma mulher investigada por envenenar um homem em Rondonópolis (212 km ao sul de Cuiabá) foi presa pela Polícia Civil na manhã desta terça-feira (18.05), em ação para cumprimento de mandado de prisão temporária. A suspeita teve a ordem judicial decretada pelo juízo da Comarca local por tentativa de homicídio qualificado provocada por envenenamento.

Ela foi presa pela equipe de policiais civis da 2ª Delegacia de Polícia da Vila Operária com apoio da Delegacia Especializada de Homicídio e Proteção à Pessoa.

As diligências apontaram a dona de um bar como a responsável por induzir um rapaz de 39 anos, que é usuário de drogas e se encontrava no estabelecimento consumindo bebida alcoólica, a ingerir veneno que estava armazenado em uma garrafa, dentro da geladeira do estabelecimento. 

Ao beber a substância tóxica, a vítima passou muito mal e ficou por vários dias internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Regional de Rondonópolis.

Com base na investigação realizada pela Delegacia de Homicídios de Rondonópolis, foram colhidos diversos indícios e representado pelo pedido de prisão temporária da investigada. 

De posse do mandado de prisão, as equipes localizaram a suspeita em uma residência no bairro Monte Líbano. A mãe dela autorizou os policiais civis a revistarem a geladeira do bar.

Após cumprimento da prisão, a suspeita foi conduzida até a Central de Flagrante da 1ª Delegacia de Polícia, para as providências cabíveis e posteriormente colocada à disposição do Poder Judiciário, sendo encaminhada para a unidade prisional feminina da cidade. 

C

Governo do Estado de Mato Grosso
Read More

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *