GM reduzirá modelos a combustão devido aos elétricos até 2025

GM reduzirá modelos a combustão devido aos elétricos até 2025
COMPARTILHE!

GM reduzirá modelos a combustão devido aos elétricos até 2025

A General Motors reduziu seus planos para carros a combustão até 2025. O motivo é o plano ambicioso de 30 modelos elétricos para atuação nos EUA e China até 2025.

Custando US$ 27 bilhões, o programa do carro elétrico da GM consumiu recursos demais para sustentar o plano anterior, divulgado por Mary Barra, onde 26 plataformas de modelos com motor a combustão seriam reduzidas para apenas quatro em 2025.

Essas quatro arquiteturas são chamadas de VSS e duas delas estão no Brasil. Uma é a VSS-F, que sustenta Onix e derivados. A outra é a VSS-T, uma identificação da base GMT 31XX de S10 e Trailblazer.

GM reduzirá modelos a combustão devido aos elétricos até 2025

Todos os carros de tração dianteira da GM serão identificados como VSS-F, com os de tração traseira como VSS-R. Existirá ainda a VSS-S para crossovers e SUVs monoblocos.

Mas, o volume de lançamentos dessas bases não será concretizado pela GM, segundo Tim Herrick, vice-presidente da GM, programas de produtos globais. Ele disse: “Neste ponto, o VSS não acontecerá no grau que inicialmente planejamos”.

Isso é uma indicação clara que a GM colocará o pé nos freios do desenvolvimento de mais produtos para essas arquiteturas, direcionando os esforços para a eletrificação, que contará basicamente com duas plataformas.

GM reduzirá modelos a combustão devido aos elétricos até 2025

Uma delas é a BEV3 para monoblocos e a outra é a BT1 para chassis de longarinas. Com baterias de lítio entre os eixos e sob o assoalho ou entre as longarinas, essas duas arquiteturas moldarão as marcas Chevrolet, GMC, Cadillac e Buick nos próximos anos.

Ainda que a GM reduza sua estratégia para as bases VSS, sabemos que parte disso continuará ativa, como a nova picape média da Chevrolet, que será fabricada em São Caetano do Sul, assim como o sucessor da minivan Spin.

GM reduzirá modelos a combustão devido aos elétricos até 2025

Modelos com base na plataforma do Cruze, como o Monza e Equinox, deverão mudar para a linha do Onix e Tracker, onde a nova picape se enquadra. Enquanto isso, a gama elétrica aumenta e sua introdução no mercado também.

Aqui, por exemplo, mesmo tendo apenas o Bolt, a GM já ampliou a rede Chevrolet de 26 para 79 concessionárias, aptas a vender o monovolume elétrico. Espera-se pela chegada do Bolt EUV e de elétricos feitos no México.

[Fonte: GM Authority]

 

© Noticias Automotivas. A notícia GM reduzirá modelos a combustão devido aos elétricos até 2025 é um conteúdo original do site Notícias Automotivas.

Notícias Automotivas
Read More

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *