Ranger 2012: motor, preços, consumo, versões, revisão, fotos

Ranger 2012: motor, preços, consumo, versões, revisão, fotos
COMPARTILHE!

Ranger 2012: motor, preços, consumo, versões, revisão, fotos

A Ford Ranger 2012 chegou ao mercado como o último modelo da primeira (segunda em realidade) geração vendida no Brasil, visto que no ano seguinte, a picape média da marca americana mudaria para a atual geração.

Fabricada em General Pacheco, Argentina, a Ranger não mudou nada nesse ano/modelo, tendo recebido apenas novos tecidos para bancos e portas, bem como estepe de liga leve. Estas adições foram somente para as versões XLS e XLT.

Esta última também recebeu cintos de segurança de 3 pontos para todos os ocupantes traseiros, assim como apoio de cabeça para os três ocupantes, sendo que antes havia somente dois. Foi adicionada a Ranger 2012 a cor Cinza Novara.

Sendo esta perolizada, a Ranger vinha ainda nas cores Branco Ártico, Vermelho Itália, Prata Geada, Preto Gales, Cinza Ubatuba e Azul Mônaco. Fora isso, a picape da Ford continuava como antes, sem alterações estéticas ou de conteúdo.

Concorrente de Volkswagen Amarok e Toyota Hilux, a Ranger 2012 tinha um visual já bem cansado, fruto de mais de 15 anos na mesma geração, assim como a Chevrolet S10 de então. Já atualizada até onde deu, ela já pedia água há tempos…

Ranger 2012: motor, preços, consumo, versões, revisão, fotos

Ranger 2012 – detalhes

Apesar de ser robusta, estava duas gerações atrás das maiores concorrentes e tinha ainda um porte abaixo de 5,00 m na cabine simples, além de largura bem estreita, medindo apenas 1,765 m.

Outra limitação da Ford Ranger dessa geração era a caçamba curta e pequena da versão de cabine dupla, que tinha somente 844 litros. Pelo menos a cabine simples tinha mais espaço, porém, nem se comparava à Amarok, por exemplo.

Já bem descaracterizada do modelo original de meados dos anos 90, a Ford Ranger tinha frente com estranhos faróis quadrados com lentes multifacetadas, grade com barras entrelaçadas e para-choque em duas partes.

Enquanto isso, a carroceria refletia o século anterior com formas suaves e pouco espaço interno, enquanto a traseira tinha lanternas igualmente antiquadas, que nem foram harmonizadas com o conjunto ótico frontal.

Ainda assim, a Ranger 2012 tinha suspensão elevada e robusta, com duplo braço na frente e eixo rígido atrás, com feixe de molas semielípticas. A tração 4×4 na versão diesel era outro atributo da picape da Ford.

Ranger 2012: motor, preços, consumo, versões, revisão, fotos

Na cabine simples, o charme da Ranger era ser pequena e acessível para muitas garagens, além de ser mais fácil de estacionar nas ruas. Por dentro, o visual não era muito convidativo, revelando a idade do projeto.

Ainda assim, a Ranger tinha um cluster de boa visibilidade e completo, além de sistema de som com Bluetooth e CD player. Um destaque dessa velha picape era o acionador de tração 4×4, feito por um botão bem próximo ao volante.

Até hoje é o sistema de acionamento de tração mais próximo em picapes médias vendidas no Brasil, sendo que na geração posterior, o botão passou para o túnel da transmissão. O acionador elétrico trazia enorme vantagem em espaço.

Já na mecânica, a Ford Ranger usava o motor Duratec 2.3 de origem Mazda, que equipara o Fusion ao chegar ao Brasil, abastecido com gasolina e entregando 150 cavalos. No caso do diesel, era o nacional International NGD 3.0E.

Esse propulsor de quatro cilindros com turbocompressor e intercooler, tinha injeção Common Rail e 163 cavalos, entregando um bom torque para a Ranger 2012, porém, apenas com transmissão manual de cinco marchas.

Leia também sobre a Ranger 2013.

Ranger 2012: motor, preços, consumo, versões, revisão, fotos

A Ranger só ganharia transmissão automática na geração seguinte. Com isso, o pacote da picape média da Ford se completava também com itens como ar condicionado, direção hidráulica, vidros e travas elétricos, e alarme.

Tinha ainda freios com ABS e airbag duplo, sempre dependendo da versão, além de opção de bancos em couro, sistema de som completo, faróis de neblina, rodas de liga leve aro 16 polegadas, retrovisores cromados, entre outros.

Apesar de ser um modelo muito antigo já naquela época, a Ranger é um veículo com alto valor agregado e bem valorizado no mercado de usados, com o diesel sendo a versão que menos perde valor, mas que também tem a maior quilometragem.

Assim como a S10 da primeira geração, a Ford Ranger dessa época também tem boa oferta no mercado de veículos usados, além de manutenção facilitada pela (ex) extensa rede de concessionários da marca americana.

Ranger 2012: motor, preços, consumo, versões, revisão, fotos

A Ranger 2012 tinha uma frente parruda e mais reta que o modelo original de 1994, não sendo assim mais aerodinâmica que esta. Faróis duplos quadrados com lentes multifacetadas possuíam repetidores de direção e lanternas.

Já a grade podia ser preta na versão Sport, cinza na XL e XLS, assim como cromada nas XLT e Limited. O para-choque era dividido em duas partes, com acabamento cinza escuro na Sport, cinza nas demais versões e cromado na Limited.

Os retrovisores tinham acabamento preto ou cinza, além de cromado na Limited. As maçanetas eram cinzas ou na cor do carro, tendo ainda estribo nas laterais da cabine dupla. Na Sport havia uma moldura preta que se unia à traseira.

Na caçamba, além da possibilidade da capota marítima, havia ainda um santantônio tubular e cromado nas versões XLT e Limited. Atrás, as lanternas verticais eram simples, porém, na Sport elas eram escurecidas.

O para-choque traseiro podia ser cromado, cinza ou preto. Já as rodas eram de aço nas versões XL e XLS, enquanto as demais eram servidas por rodas de liga leve, incluindo a Sport, embora fosse baseada na XLS.

Ranger 2012: motor, preços, consumo, versões, revisão, fotos

Por dentro, o painel era antiquado com acabamento preto ou cinza, tendo cluster com computador de bordo, conta-giros, velocímetro, nível de combustível e temperatura da água. O volante tinha quatro raios e acabamento em couro.

Com direção hidráulica, a Ranger 2012 tinha ajuste em altura da coluna, além de ar condicionado manual. No console central, de acordo prata, havia ainda sistema de som Ford Connect com Bluetooth, USB e CD player.

O seletor de tração ficava ao lado esquerdo desse conjunto, enquanto o túnel era dominado por trÊs formas cônicas, sendo duas delas servindo como porta-copos e a central como base para a alavanca de câmbio.

Os bancos eram em tecido, tendo acabamento melhorado nas versões XLT e Limited, inclusive nas portas, além de couro opcional. Vidros elétricos nas quatro portas (e na Sport), travamento central elétrico e retrovisores elétricos existiam.

Havia ainda alças no teto e colunas, bem como banco do motorista com ajuste em altura e retrovisor interno dia e noite, além de espelhos nos para-sois e luzes de leitura.

Ranger 2012 – versões

Ranger 2012: motor, preços, consumo, versões, revisão, fotos

  • Ford Ranger Cabine Simples XL 2.3 4×2 manual
  • Ford Ranger Cabine Simples XLS 2.3 4×2 manual
  • Ford Ranger Cabine Simples Sport 2.3 4×2 manual
  • Ford Ranger Cabine Simples XL 3.0 4×2 manual
  • Ford Ranger Cabine Simples XLS 3.0 4×2 manual
  • Ford Ranger Cabine Simples XL 3.0 4×4 manual
  • Ford Ranger Cabine Dupla XL 2.3 4×2 manual
  • Ford Ranger Cabine Dupla XLS 2.3 4×2 manual
  • Ford Ranger Cabine Dupla XLT 2.3 4×2 manual
  • Ford Ranger Cabine Dupla Limited 2.3 4×2 manual
  • Ford Ranger Cabine Dupla XL 3.0 4×2 manual
  • Ford Ranger Cabine Dupla XLS 3.0 4×2 manual
  • Ford Ranger Cabine Dupla XLT 3.0 4×2 manual
  • Ford Ranger Cabine Dupla XL 3.0 4×4 manual
  • Ford Ranger Cabine Dupla XLS 3.0 4×4 manual
  • Ford Ranger Cabine Dupla XLT 3.0 4×4 manual
  • Ford Ranger Cabine Dupla Limited 3.0 4×4 manual

Equipamentos

Ranger 2012: motor, preços, consumo, versões, revisão, fotos

Ford Ranger Cabine Simples XL 2.3/3.0 4×2/4×4 manual – Câmbio manual, mais ar condicionado e direção hidráulica, rodas de aço, freios ABS, vidros verdes, para-brisa degradê, entre outros.

Ford Ranger Cabine Simples XLS 2.3/3.0 4×2/4×4 manual – Itens acima, mais vidros elétricos e travas elétricas, preparação para som e grade cinza.

Ford Ranger Cabine Simples Sport 2.3/3.0 4×2 manual – Itens acima, mais grade e para-choques pretos, lanternas escurecidas, interior escurecido, rodas de liga leve aro 16 polegadas, capota marítima, sistema de com com CD e Bluetooth.

Ford Ranger Cabine Dupla XL 2.3/3.0 4×2/4×4 manual – Itens da XL cabine simples.

Ford Ranger Cabine Dupla XLS 2.3/3.0 4×2/4×4 manual – Itens da XLS cabine simples.

Ford Ranger Cabine Dupla XLT 2.3/3.0 4×2/4×4 manual – Itens da XLS cabine simples, mais rodas de liga leve, grade cromada, retrovisores elétricos, alarme, airbag duplo, entre outros.

Ford Ranger Cabine Dupla Limited 2.3/3.0 4×2/4×4 manual – Itens acima, mais piloto automático, retrovisores e para-choques cromados, bancos em couro, estribos laterais, capota marítima, entre outros.

Preços

Ranger 2012: motor, preços, consumo, versões, revisão, fotos

  • Ford Ranger Cabine Simples XL 2.3 4×2 manual – R$ 46.800
  • Ford Ranger Cabine Simples XLS 2.3 4×2 manual – R$ 52.920
  • Ford Ranger Cabine Simples Sport 2.3 4×2 manual – R$ 57.790
  • Ford Ranger Cabine Simples XL 3.0 4×2 manual – R$ 67.720
  • Ford Ranger Cabine Simples XLS 3.0 4×2 manual – R$ 73.540
  • Ford Ranger Cabine Simples XL 3.0 4×4 manual – R$ 73.070
  • Ford Ranger Cabine Dupla XL 2.3 4×2 manual – R$ 58.820
  • Ford Ranger Cabine Dupla XLS 2.3 4×2 manual – R$ 65.740
  • Ford Ranger Cabine Dupla XLT 2.3 4×2 manual – R$ 70.050
  • Ford Ranger Cabine Dupla Limited 2.3 4×2 manual – R$ 81.840
  • Ford Ranger Cabine Dupla XL 3.0 4×2 manual – R$ 79.050
  • Ford Ranger Cabine Dupla XLS 3.0 4×2 manual – R$ 85.530
  • Ford Ranger Cabine Dupla XLT 3.0 4×2 manual – R$ 90.240
  • Ford Ranger Cabine Dupla XL 3.0 4×4 manual – R$ 89.310
  • Ford Ranger Cabine Dupla XLS 3.0 4×4 manual – R$ 94.990
  • Ford Ranger Cabine Dupla XLT 3.0 4×4 manual – R$ 97.550
  • Ford Ranger Cabine Dupla Limited 3.0 4×4 manual – R$ 105.690

Ranger 2012 – motor

Ranger 2012: motor, preços, consumo, versões, revisão, fotos

A Ranger 2012 tinha dois motores usados no Brasil, sendo um a gasolina e outro diesel. O primeiro era o motor Duratec, cuja origem é Mazda e que havia chegado ao Brasil a bordo do Fusion.

Feito no México, o propulsor tinha bloco de ferro fundido e cabeçote de alumínio com 16 válvulas, além de duplo comando de válvulas acionado por corrente, tendo ainda injeção eletrônica multiponto.

Esse motor tinha 2.260 cm3 e 9,7:1 de taxa de compressão, bem como 150 cavalos a 5.250 rpm e 22,1 kgfm a 3.750 rpm. Estava disponível nas duas carrocerias existentes. Já o diesel era da International, sendo a versão NGD 3.0E.

Feito no Brasil pela MWM, o NGD 3.0E tinha bloco de ferro fundido e cabeçote de alumínio com duplo comando acionado por corrente, além de injeção eletrônica direta Common Rail, mais turbina de geometria variável e intercooler.

Com sistema EGR de recirculação de gases de escape, o NGD 3.0E tinha 2.968 cm3 e taxa de compressão de 17:1, entregando assim 163 cavalos a 3.800 rpm e 38,7 kgfm a 1.600 rpm.

A transmissão era manual de cinco marchas, mas não a mesma nos dois motores. O sistema de tração 4×4 era acionado com a Ranger 2012 em baixa velocidade e a reduzida era feita apenas com a picape parada.

Desempenho

Ranger 2012: motor, preços, consumo, versões, revisão, fotos

  • Ford Ranger CS 2.3 manual – 13,7 segundos e 150 km/h
  • Ford Ranger CD 2.3 manual – 13,9 segundos e 150 km/h
  • Ford Ranger CD 3.0 manual – 12,9 segundos e 170 km/h

Consumo

  • Ford Ranger CS 2.3 manual – 7,0/10,0 km/l
  • Ford Ranger CD 2.3 manual – 6,0/9,0 km/l
  • Ford Ranger CD 3.0 manual – 9,0/13,0 km/l

Ranger 2012 – manutenção e revisão

Ranger 2012: motor, preços, consumo, versões, revisão, fotos

O pós-venda da Ford recomenda revisão da Ranger 2012 a cada 12 meses ou 10.000 km, ou em caso de uso severo, 6 meses ou 5.000 km, sendo recomendável principalmente a troca de filtro de ar do motor e filtro de partículas do diesel.

Na revisão da Ford Ranger, troca-se ainda óleo do motor, filtro de combustível, filtro de óleo, filtro do ar condicionado, velas, correias em V, fluido de freio, entre outros. São realizados ainda serviços de troca de itens de desgaste natural.

Nesse caso, trca-se pastilhas de freio, discos de freio, lonas de freio, pivôs de direção, buchas de balança, coxins de motor e câmbio, buchas das barras estabilizadoras, feixe de molas, molas helicoidais, amortecedores e rolamentos, entre outros.

Além de inspeção de motor, câmbio, direção, suspensão e freios, também são vistos itens de segurança e elétrica, bem como diosponibilizados serviços de alinhamento, balanceamento, cambagem, funilaria, pintura, recall, higienização, etc.

Ranger 2012 – ficha técnica

Ranger 2012: motor, preços, consumo, versões, revisão, fotos

Motor 2.3 3.0
Tipo
Número de cilindros 4 em linha 4 em linha
Cilindrada em cm3 2260 2968
Válvulas 16 16
Taxa de compressão 9,7:1 17:1
Injeção eletrônica Indireta Direta, turbo
Potência máxima 150 cv a 5.250 rpm (gasolina) 163 cv a 3.800 rpm (diesel)
Torque máximo 22,1 kgfm a 3.750 rpm (gasolina) 38,7 kgfm a 1.600 rpm (diesel)
Transmissão
Tipo Manual de 5 marchas Manual de 5 marchas
Tração
Tipo 4×2 4×4
Direção
Tipo Hidráulica Hidráulica
Freios
Tipo Discos dianteiros e tambores traseiros Discos dianteiros e  tambores traseiros
Suspensão
Dianteira Duplo Braço Duplo Braço
Traseira Eixo rígido Eixo rígido
Rodas e Pneus
Rodas Aço ou liga leve, aro 16 polegadas Liga leve, aro 16 polegadas
Pneus 245/70 R16 245/70 R16
Dimensões
Comprimento (mm) 4.844 (CS) 5.204 (CD) 4.844 (CS) 5.204 (CD)
Largura (mm) 1.763 1.763
Altura (mm) 1.737 (CS) 1.765 (CD) 1.737 (CS) 1.765 (CD)
Entre eixos (mm) 2.831 (CS) 3.192 (CD) 2.831 (CS) 3.192 (CD)
Capacidades
Caçamba (L) 1.455 (CS) 844 (CD) 1.455 (CS) 844 (CD)
Tanque de combustível (L) 60 (CS) 75 (CD) 60 (CS) 75 (CD)
Carga (Kg) 764 (CD) 777 (CS) 1.097
Peso em ordem de marcha (Kg) 1.503 (CS) 1.716 (CD) 1.960
Coeficiente aerodinâmico (cx) ND ND

Ranger 2012 – fotos

Ranger 2012: motor, preços, consumo, versões, revisão, fotos
Ranger 2012: motor, preços, consumo, versões, revisão, fotos
Ranger 2012: motor, preços, consumo, versões, revisão, fotos
Ranger 2012: motor, preços, consumo, versões, revisão, fotos
Ranger 2012: motor, preços, consumo, versões, revisão, fotos
Ranger 2012: motor, preços, consumo, versões, revisão, fotos
Ranger 2012: motor, preços, consumo, versões, revisão, fotos
Ranger 2012: motor, preços, consumo, versões, revisão, fotos
Ranger 2012: motor, preços, consumo, versões, revisão, fotos

© Noticias Automotivas. A notícia Ranger 2012: motor, preços, consumo, versões, revisão, fotos é um conteúdo original do site Notícias Automotivas.

Notícias Automotivas
Read More

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *