Organização Trump é indiciada por crimes fiscais em Nova York

Organização Trump é indiciada por crimes fiscais em Nova York
COMPARTILHE!

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – A Organização Trump, que pertence à família do ex-presidente dos EUA Donald Trump, e um de seus principais executivos financeiros, Allen Weisselberg, foram indiciados por crimes fiscais após decisão de um júri de Nova York na noite desta quarta-feira (30).

As acusações envolvem benefícios recebidos por Weisselberg, 73, como um apartamento em Manhattan e carros de luxo, que, no entanto, não constavam em declarações fiscais.

Entrevistas feitas pela promotoria de Manhattan com 18 pessoas ligadas ao executivo, assim como a revisão de arquivos e registros financeiros, mostraram a relação próxima que o funcionário tem com Trump, com quem trabalha há cerca de 50 anos.

“Allen é um soldado”, disse John Burke, um ex-executivo de Trump, ao jornal americano New York Times. “Ele era bom para fazer o que Donald queria que ele fizesse.”

O indiciamento desta quarta é apenas a ponta do iceberg de uma investigação maior dos negócios de Trump, que deve ter mais desdobramentos em breve.

Notícias ao Minuto Brasil – Mundo
Read More

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *