Bem-vindo(a). Hoje é - Alta Floresta - MT

Honda transfere produção e abre demissão voluntária em São Paulo

Curta nossa página e receba notícias em primeira mão!

Honda transfere produção e abre demissão voluntária em São Paulo

A Honda transferiu sua produção de automóveis de Sumaré para Itirapina, distante cerca de 100 km mais para dentro do interior de São Paulo. Além da mudança, a montadora japonesa abrirá um plano de demissão voluntária nas duas fábricas. Hoje, a empresa emprega 3.000 pessoas nas duas unidades.

No caso da transferência, a Honda já havia determinado essa mudança, que concentrará em Itirapina a produção dos modelos City, City hatch e WR-V, além da nova geração do HR-V. Fit e Civic deverão sair de linha e pode ser que o sedã médio encerre sua carreira com o fechamento da linha de montagem em Sumaré.

Já o Fit é produzido nas duas plantas, mas em Itirapina, deverá permanecer até a chegada dos novos City e City hatch. Com o WR-V e o Novo HR-V, a Honda concentrará a produção no quarteto, ficando em Sumaré a sede administrativa, produção de motores, treinamento de funcionários, centro de peças e desenvolvimento de veículos.

Honda transfere produção e abre demissão voluntária em São Paulo

Não se sabe ao certo o resultado do enxugamento da Honda, mas a produção não deverá passar de 120 mil carros por ano, limite da capacidade em Itirapina. A fábrica é o resultado de uma aposta da japonesa que não deu certo, uma vez que o mercado entrou em crise e a empresa teve que fechar a unidade antes de começar a produzir.

Já em relação ao quadro, ainda não se sabe qual o tamanho que a Honda desejar ter ao final do processo, mas a empresa disse:

“Tendo em vista a necessidade da empresa de se adaptar a esse novo ambiente de negócios, impactado pela pandemia da Covid-19, e o momento de transferência de colaboradores da unidade de Sumaré para Itirapina, a Honda Automóveis está realizando um programa de demissões voluntárias. O objetivo é oferecer condições para uma transição segura àqueles que contribuíram com a empresa ao longo de suas carreiras”.

A Honda está oferecendo aos trabalhadores do PDV, que não tem meta: um plano de 12 salários adicionais, um valor equivalente a 12 meses de plano de saúde, vale-alimentação de R$ 250 mensais por seis meses e três meses de um programa de requalificação profissional.

[Fonte: Automotive Business]

 

© Noticias Automotivas. A notícia Honda transfere produção e abre demissão voluntária em São Paulo é um conteúdo original do site Notícias Automotivas.

Notícias Automotivas
Read More

COMPARTILHE!