Bem-vindo(a). Hoje é - Alta Floresta - MT
Anúncio Anúncio

Idosa de 93 anos apresenta sinais vitais durante “velório” em Mato Grosso e é levada ao hospital

Curta nossa página e receba notícias em primeira mão!

Um caso inusitado aconteceu na cidade de Guiratinga (320 km de Cuiabá) na sexta-feira (8). A idosa Carolina Lopes de Almeida, 93 anos, mais conhecida como “Dona Caluzinha”, apresentou sinais vitais durante o próprio “velório” no salão da igreja da cidade. Depois do fato, a idosa chegou a ser levada ao hospital da cidade, mas não resistiu e morreu logo depois.

O “velório” de Caluzinha começou por volta das 07h20. De acordo com o site Gazeta Digital, pouco tempo depois, uma das pessoas que participava da cerimônia fúnebre, tocou na idosa e percebeu que Carolina estava “quente”, mas pensou que era devido ao calor.

Entretanto, outro familiar percebeu os sinais vitais da idosa e decidiu chamar um médico, que foi ao local com uma enfermeira. Ao perceber que Caluzinha ainda estava viva, o profissional de saúde encaminhou a idosa ao hospital da cidade, que havia constatado a morte de Carolina.

Na unidade de saúde, foi realizada manobras, mas Caluzinha não resistiu e morreu. A idosa sofria de Alzheimer há cerca de 20 anos.

Após a constatação da morte, foi realizado o verdadeiro velório da idosa.

Ator comenta fato

O ator Ataide Arcoverde, nascido em Guiratinga, comentou sobre o “velório de Caluzinha”. Com um certo tom de revolta e sarcasmo, o artista disse que algumas pessoas que estavam presentes no velório chegaram a “correr” após a constatação de que a idosa estava viva.

“Eis que alguém pega na mão de dona Caluzinha e dona Caluzinha dá uma piscada. Bom, o resto você sabe. Metade correu do velório e outra metade correu para saber se a idosa estava viva”, disse.

Veja o vídeo do ator aqui

Fonte: www.hnt.com.br

COMPARTILHE!