Mesmo com São Paulo lutando contra queda, Crespo diz que temporada é "muito boa"

COMPARTILHE!

Em um jogo que mostrou disposição, mas pouca efetividade no ataque, o São Paulo ficou no empate sem gols com o Cuiabá, fora de casa, nesta segunda-feira. E graças à boa atuação do goleiro Tiago Volpi, que fez defesas importantes para evitar a derrota. O ponto conquistado na Arena Pantanal mantém o time perto da zona de rebaixamento, mas o técnico argentino Hernán Crespo gostou da atuação e disse que a temporada tricolor é “muito boa”.

“Hoje (segunda-feira) tivemos posse de bola, acho que foi 65%, mas não tivemos ocasiões para fazer gols. Acho que é um momento de dificuldade. Tivemos situações perto do gol e não conseguimos concretizar. Estão jogando todos os jogadores que sabem fazer gol, como Calleri, Luciano e Rigoni. É um momento em que a posse de bola não é suficiente”, disse o treinador em entrevista coletiva.

“Entendo que a situação seja sempre ganhar. Se for avaliar o período do Brasileirão, entendo a situação. Se for olhar o ano completo, seguramente, saindo da situação incômoda do Brasileirão, acho que é uma temporada muito boa. Sair da fila, chegar às quartas da Libertadores, coisas que não aconteciam há muito tempo. Ao mesmo tempo, sei perfeitamente que temos que ganhar. Não perdemos, mas sabemos que temos a obrigação de ganhar jogos. Estamos tentando, mas é um momento em que o gol está fechado para a gente”, prosseguiu o argentino.

No momento, o São Paulo está a quatro pontos do primeiro time dentro da zona de rebaixamento. Apesar da colocação da equipe na tabela de classificação, Hernán Crespo acredita que o time tem tudo para escapar da degola.

“Acho que o time está em condições de se salvar tranquilamente, mas falei sempre que teríamos que lutar até o final, até dezembro. Claramente, merecíamos ganhar os últimos dois jogos. Contra a Chapecoense, tivemos situações claras de gol e não concretizamos. Contra o Santos, também tivemos muitas ocasiões e não concretizamos. Quando se empata, empata e empata, é difícil”, avaliou.

“O jogo foi mais equilibrado, não tivemos a intensidade do último jogo. É normal que a situação preocupe. Temos condições de chegar à Sul-Americana e à Libertadores, mas também temos que olhar para baixo e respeitar porque temos muitos times importantes abaixo, como Grêmio e Santos. Devemos fazer três pontos, não apenas merecer, o que não foi o caso de hoje”, completou.

Com o resultado, o São Paulo chegou aos 30 pontos, na 13.ª colocação. O próximo compromisso do time é contra o Ceará, nesta quinta-feira, às 19 horas, no estádio do Morumbi, em São Paulo, pela 26.ª rodada.

Notícias ao Minuto Brasil – Esporte
Read More