Bem-vindo(a). Hoje é - Alta Floresta - MT
Anúncio Anúncio

Governo do Estado moderniza 10 unidades especializadas e descentralizadas da saúde

Curta nossa página e receba notícias em primeira mão!

Governo do Estado moderniza 10 unidades especializadas e descentralizadas da saúde

Investimentos contemplam obras já concluídas e em andamento no Ceope, Cermac, Adauto Botelho, Rede de Frio, entre outras unidades


Fernanda Nazário

| SES-MT

– Foto por: Mayke Toscano

O Governo de Mato Grosso investiu, nos últimos três anos, o total de R$ 109.265.813,52 milhões na reforma e ampliação de 10 unidades especializadas e descentralizadas da saúde do Estado. Realizados pela Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT), os investimentos proporcionaram melhorias na infraestrutura da Rede Estadual e no atendimento dos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS). 

“Trabalhamos muito nos últimos três anos para ofertar à população unidades de saúde mais modernas, equipadas. Essas melhorias tornam o serviço mais eficiente e também beneficia os profissionais e trabalhadores da Saúde, que passam a contar com espaços adequados para o desenvolvimento dos trabalhos”, disse o secretário estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo.

A Central de Imunobiológicos da SES, conhecida como Central da Rede de Frio, passou por reforma e modernização entre fevereiro e agosto de 2021. O local recebeu um investimento de cerca de R$ 5 milhões, que possibilitou a ampliação do espaço físico em aproximadamente mil metros quadrados de estrutura. A unidade armazena imunobiológicos e insumos que são distribuídos para os 141 municípios do Estado.

Com objetivo de oferecer um ambiente mais moderno aos pacientes do Lar Doce Lar, a SES investiu R$ 3 milhões, entre abril de 2019 e fevereiro de 2022, e realizou adequações e reparos no local. A unidade é mantida pelo Estado e é ligada ao Centro Integrado de Assistência Psicossocial (Ciaps) Adauto Botelho.

Para o diretor do Ciaps Adauto Botelho, Paulo Henrique Almeida, a reforma não foi apenas estrutural, mas também recuperou a dignidade dos residentes da unidade. “O espaço laboral adequado facilita os cuidados, sem contar que os novos ambientes modernos, aconchegantes e funcionais trazem dignidade para os pacientes e também para os servidores que ali desempenham suas funções”, diz o diretor. 

A instituição Lar Doce Lar atua como residência para 17 pessoas em regime de abandono, advindas de abrigos ou orfanatos. Os pacientes necessitam de cuidados por 24 horas e são acompanhados por equipes multidisciplinares, nos moldes do Sistema Único de Saúde (SUS).

O Governo do Estado segue investindo nos serviços de saúde mental em Mato Grosso. Com um aporte financeiro de R$ 1,4 milhão, a Secretaria reformou e modernizou o Ciaps Adauto Botelho Álcool e Drogas. 

Entre os meses de outubro de 2019 e maio de 2020, a pasta também realizou reparos, adequações e modernizações avaliados em R$ 250 mil na nova estrutura do Centro Estadual de Odontologia para Pacientes Especiais (Ceope). A unidade conta com cinco consultórios odontológicos e uma equipe multiprofissional composta por cirurgião-dentista, assistente social, enfermeiro, fisioterapeuta, técnico em saúde bucal e técnico de enfermagem.

A diretora do Ceope, Martha Maria Aquilino, avalia positivamente os investimentos na unidade. Ela destaca que os pacientes dizem não acreditar que o serviço é público, devido à modernidade do lugar e qualidade do atendimento. 

“Por várias vezes, desde a mudança para o novo endereço, pacientes me questionam se é mesmo público, se não precisam pagar. Com orgulho respondo que não. É gratificante para mim, desde a minha formação em odontologia até a especialização em saúde pública, ter a oportunidade de presenciar um serviço de qualidade sendo ofertado à população com respeito e dignidade”, afirma Martha.

Obras em andamento

A SES está construindo, em Cuiabá, um Centro Logístico de Abastecimento e Distribuição, com investimentos na construção de aproximadamente R$ 45 milhões. Ligada à Assistência Farmacêutica, a unidade oferecerá um espaço mais moderno e amplo para o armazenamento de medicamentos e compostos a serem distribuídos aos munícipios do Estado. O local está previsto para ser entregue no final de 2022.

Em Cuiabá, também está em fase de construção o novo espaço que sediará o MT Hemocentro e o Centro Estadual de Referência de Média e Alta Complexidades (Cermac-MT). A SES destinou um total de R$ 19,2 milhões para o novo espaço. A previsão de conclusão da obra é para dezembro de 2022. 

Com um investimento de R$ 15,2 milhões, a SES está reformando e ampliando o Hospital Adauto Botelho. A obra deve ser finalizada no segundo semestre de 2022.

O Governo do Estado está construindo uma nova sede do Laboratório Central de Saúde Pública do Mato Grosso (Lacen). A obra conta com um recurso de R$ 11,8 milhões e deve ser concluída no primeiro semestre de 2023. Enquanto ocorre a construção da nova sede do laboratório, a SES está realizando melhorias em um prédio provisório, que deverá comportar os serviços realizados pela unidade até a entrega da nova sede. Nesta reforma estão sendo investidos R$ 3 milhões.

A Escola de Saúde Pública de Mato Grosso também está em obras. Estimada em aproximadamente R$ 3 milhões, a reforma da estrutura prevê a troca de cobertura e revestimentos existentes, adaptação dos banheiros, cozinha, modificação dos espaços internos e da fachada. As modernizações serão feitas por etapas, tendo a previsão de conclusão para setembro de 2022.

C

Governo do Estado de Mato Grosso
Read More

COMPARTILHE!