Bem-vindo(a). Hoje é - Alta Floresta - MT
Anúncio Anúncio

Vasco vê disputa de volantes acirrada com chegada de Zé Gabriel

Curta nossa página e receba notícias em primeira mão!

RIO DE JANEIRO, RJ (UOL/FOLHAPRESS) – O Vasco apresentou na terça-feira (15), antevéspera de confronto com o Bangu, a partir das 20h30 desta quinta (17), pela sétima rodada do Campeonato Carioca, seu 13º reforço para a temporada.

Trata-se de Zé Gabriel, ex-Internacional, que apesar de ter atuado também como zagueiro no time colorado, deixou claro que chega ao novo clube para ser volante, sua posição original. Com isso, a disputa no setor se torna ainda mais acirrada.

No início do Carioca, Yuri Lara, que chegou com o status de maior desarmador da última Série B, tomou conta da vaga de primeiro volante atuando ao lado do jovem Juninho. No entanto, o atleta ex-CSA se lesionou e, ainda fora, viu o também recém-contratado Matheus Barbosa, vindo do Atlético-GO, ocupar o setor.

Ainda entre os volantes, Juninho, promessa das divisões de base do Vasco, tem se esforçado para deixar os problemas disciplinares de 2021 para trás e vem sendo um dos destaques do time até aqui. Em tese, até por chegar depois, Zé Gabriel larga atrás do trio em sua caminhada no clube.

“A disputa será sadia como tem que ser, todos trabalhando sério diariamente. Tem o Yuri, o Matheus, o Juninho, que fez essa função no ano passado. Dor de cabeça a gente deixa para o Zé (Ricardo, treinador). Tenho que estar pronto para dar o melhor se for escolhido”, disse Zé Gabriel.

O reforço ponderou, ainda, que está disposto a atuar em mais de uma função no meio campo. “Tenho as valências de ter um apoio ofensivo dependendo das circunstâncias do jogo, acho que posso ser um segundo volante se o Zé precisar”, emendou.

Zé Gabriel já teve seu nome publicado no BID (Boletim Informativo Diário) da CBF, mas ainda não poderá estrear contra o Bangu, já que o regulamento do Estadual prevê liberação para atuar apenas de jogadores inscritos até 48 horas antes do início da rodada.

O Vasco também seguirá sem Yuri Lara, vascaíno de infância que fez dois jogos que animaram o torcedor cruzmaltino, mas ainda durante duelo contra o Boavista, pela segunda rodada do Carioca, acabou sofrendo uma entorse no tornozelo.

Segundo o diretor médico do Vasco, Gustavo Caldeira, existe uma expectativa de que ele retorne para o compromisso na primeira fase da Copa do Brasil, contra a Ferroviária (SP), no dia 2 de março. “Seria um ganho, porque é um tempo curto para lesão dele”, disse o médico.

Estádio: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Horário: 20h30 (de Brasília) desta quinta-feira (17)
Árbitro: Tarcizo Pinheiro Caetano

Notícias ao Minuto Brasil – Esporte
Read More

COMPARTILHE!