Bem-vindo(a). Hoje é - Alta Floresta - MT
Anúncio Anúncio

Atlético-MG visita o Goiás para defender invencibilidade no Brasileiro

Atlético-MG visita o Goiás para defender invencibilidade no Brasileiro
Nos siga no Instagram para receber as notícias em primeira mão!

(UOL/FOLHAPRESS) – O Atlético-MG defende sua invencibilidade no Campeonato Brasileiro neste sábado (30), quando enfrenta o Goiás, no estádio da Serrinha, às 18h30 (de Brasília), pela quarta rodada do Nacional.

Apesar de ser vice-líder e ainda não ter perdido, o clube mineiro ligou o alerta para uma queda de desempenho no segundo tempo das partidas.

O Atlético-MG empatou os dois últimos jogos que disputou, com o Coritiba, pelo Campeonato Brasileiro, e com o Independiente del Valle, pela Copa Libertadores. Em comum, as duas partidas tiveram roteiros semelhantes: um Galo dominante e muito superior na primeira etapa, mas que não teve a mesma força no segundo segundo tempo e permitiu a reação dos adversários.

Dono de uma das defesas mais sólidas do futebol brasileiro, o Atlético vê o desempenho defensivo cair muito durante o segundo tempo. Em 22 jogos disputados na temporada, o clube sofreu apenas 12 gols. O número condiz com uma equipe que almeja brigar pelos grandes títulos, mas com o recorte de quando sofreu cada um dos gols, o técnico Turco Mohamed precisa ligar um alerta na etapa final.

Dos 12 gols sofridos nesta temporada, dez foram no segundo tempo. Apenas o Villa Nova e URT, em confrontos pela fase inicial do Campeonato Mineiro, marcaram gols no Atlético durante o primeiro tempo. Os demais gols sofridos na temporada foram na etapa final: Flamengo (2), Pouso Alegre (2), Cruzeiro (2), Coritiba (2), América-MG e Independiente de Valle.

Apesar de abrir vantagem e permitir que Coritiba e Independiente del Valle reagissem no segundo tempo, a questão do Atlético não é física. Já que em outros momentos da temporada o time mostrou força para marcar nos minutos finais. Foi assim contra o Cruzeiro, na primeira fase do Mineiro, e também contra o América-MG, pela Copa Libertadores.

No caso do duelo com o Independiente del Valle, ainda tem o agravante de jogar na altitude. O Atlético até divulgou fotos dos atletas usando cilindros de oxigênio durante o intervalo da partida. Para o lateral-esquerdo Guilherme Arana, uma das explicações para o empate no Equador está na quantidade de oportunidades criadas pelo Galo e não aproveitadas.

“Difícil jogar aqui, por conta da altitude e porque a equipe deles tem muita qualidade. Perdemos alguns gols, inclusive eu perdi um ali que a gente não pode perder. Mas levamos um ponto daqui. Agora temos duas partidas em casa e uma fora e temos que vencer. A equipe tem que manter essa regularidade de não perder. Vamos valorizar esse ponto e descansar porque semana que vem tem mais”, disse Arana.

Com cinco pontos conquistados, o Galo está na 2ª colocação do Grupo D da Libertadores, atrás do Independiente del Valle no número de gols marcados.

Já no Brasileiro, o clube tem sete pontos, mesma quantidade que o líder Santos.

Um provável Atlético-MG neste sábado tem: Everson; Guilherme Arana, Júnior Alonso, Nathan Silva, Mariano (Guga); Allan, Jair, Zaracho, Nacho Fernández; Hulk e Ademir.

Já o Goiás deve ir a campo com: Tadeu; Danilo Barcelos, Sidnei, Reynaldo, Maguinho; Elvis, Apodi, Felippe Bastos; Nicolas, Pedro Raul e Dadá Belmonte.Estádio: Serrinha, em Goiânia (GO)

Horário: Às 18h30 (de Brasília) deste sábado (30)
Árbitro: Bruno Arleu de Araújo (Fifa/RJ)
VAR: Rodrigo D’Alonso Ferreira (SC)
Transmissão: SporTV e Premiere

Notícias ao Minuto Brasil – Esporte
Read More

COMPARTILHE!