Bem-vindo(a). Hoje é - Alta Floresta - MT
Anúncio Anúncio

Fortaleza empata com o River Plate e decepciona torcida no Castelão lotado

Fortaleza empata com o River Plate e decepciona torcida no Castelão lotado
Nos siga no Instagram para receber as notícias em primeira mão!

Em partida marcada pelo show da torcida do Fortaleza, o Fortaleza, que foi melhor em campo, decepcionou sua torcida na Arena Castelão e apenas empatou por 1 a 1 com o River Plate, nesta quinta-feira, pela Copa Libertadores. O jogo contou com um público de 48.867 de torcedores, que desenharam um mosaico nas arquibancadas em protesto contra o racismo.

A partida foi muito intensa e teve o Fortaleza abrindo o placar com Silvio Romero logo aos quatro minutos e Enzo Fernández empatando aos 16 do primeiro tempo. O goleiro Armani, principalmente no primeiro tempo, foi o destaque da noite.

O resultado complicou a vida do Fortaleza na competição. Com quatro pontos, o time brasileiro viu o River Plate ir para dez e se distanciar na liderança. No Brasileirão, o time é o lanterna, com nenhum ponto somado, vindo de derrota para o Corinthians por 1 a 0.

O protesto contra o racismo da torcida do time brasileiro acontece depois que no dia 13 de abril, no estádio Monumental de Núñez, em Buenos Aires, na partida que o River venceu por 2 a 0, um torcedor do time argentino foi flagrado arremessando uma banana para a torcida do Fortaleza durante o jogo entre as duas equipes. O goleiro Max Walef, do Fortaleza, entrou em campo com luvas com a mensagem “Stop racism”.

O Fortaleza joga neste domingo pelo Campeonato Brasileiro diante do São Paulo no Castelão. Pela Libertadores, o próximo compromisso será contra Alianza Lima no dia 18 de maio, no estádio Alejandro Villanueva, em Lima, no Peru. O River Plate entra em campo no dia 19 de maio diante do Colo-Colo, na Argentina.

Empurrado pela sua torcida, o Fortaleza sufocou o River desde o começo e não demorou para abrir o marcador. Em uma jogada trabalhada aos quatro minutos, Lucas Lima acionou Lucas Crispim na cara do gol. Ele tocou para Silvio Romero, que bateu com o gol livre para marcar.

Mesmo jogando bem, o Fortaleza não soube aproveitar o momento e errou diante de um adversário extremamente inteligente. Aos 16 minutos, Marcelo Benevenuto derrubou Pochettino na área em uma jogada de infiltração. Na cobrança, Enzo Fernández empatou.

O Fortaleza não baixou a guarda com o empate e continuou pressionando. Só não saiu na frente do placar para o intervalo porque por três vezes Lucas Lima parou no goleiro Armani, aos 24, 25 e 36 minutos. O goleiro argentino ainda evitou o segundo gol do time brasileiro aos 39 em cabeçada de Felipe.

O segundo tempo começou muito faltoso e aos 11 minutos, quatro cartões amarelos já tinham sido aplicados, dois para o Fortaleza (Tinga e Marcelo Benevenuto) e dois para o River (Enzo Pérez e Pochettino).

O desempenho do time brasileiro no segundo tempo não foi tão intenso como no primeiro. O River tocava bem a bola e criava as melhores chances. Aos 20 minutos, De la Cruz, entrou pela esquerda e bateu cruzado para a boa defesa de Max Walef.

A entrada de Renato Kayser aos 29 minutos no lugar de Silvio Romero deu uma nova vida ao Fortaleza ao jogo e o time brasileiro passou a pressionar mais. Aos 30 minutos, ele caiu na área e pediu pênalti. Silvio Romero, no banco, foi expulso na reclamação.

Até o final, o Fortaleza pressionou atrás do gol da vitória, mas não conseguiu o objetivo. Não agradou a torcida.

FICHA TÉCNICA:

FORTALEZA 1 x 1 RIVER PLATE-ARG

FORTALEZA – Max Walef; Tinga, Marcelo Benevenuto e Titi; Yago Pikachu, Felipe, Hércules (Róbson), Lucas Lima (Zé Welisson) e Lucas Crispim (Juninho Capixaba); Romero (Renato Kayser) e Moisés (Depietri). Técnico: Juan Pablo Vojvoda.

RIVER PLATE – Armani, Marcelo Herrera, Díaz, Martínez e Casco; Enzo Pérez, Enzo Fernández (Zuculíni), Pochettino (Palavecino) e De La Cruz (Santiago Símon); Barco (Paradela) e Álvarez. Técnico: Marcelo Gallardo.

GOLS – Silvio Romero, aos 4, e Enzo Fernández aos 16 minutos do primeiro tempo.

CARTÕES AMARELOS – Tinga, Marcelo Benevenuto e Felipe (FORTALEZA); Enzo Pérez, Pochettino, Enzo Fernández e Marcelo Herrera (RIVER PLATE).

CARTÃO VERMELHO – Silvio Romero (Fortaleza).

ÁRBITRO – Esteban Ostojich (URU).

RENDA – R$ 1.012.790,00.

PÚBLICO – 48.867 pagantes.

LOCAL – Arena Castelão, em Fortaleza (CE).

Notícias ao Minuto Brasil – Esporte
Read More

COMPARTILHE!