Bem-vindo(a). Hoje é - Alta Floresta - MT
Anúncio Anúncio

Com um a menos, Fluminense perde para o Atlético-GO no Maracanã

Com um a menos, Fluminense perde para o Atlético-GO no Maracanã
Nos siga no Instagram para receber as notícias em primeira mão!

O Fluminense perdeu para o Atlético-GO por 2 a 0, neste sábado, no Maracanã, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro. Após um triunfo convincente sobre o Atlético-MG no meio de semana, o Tricolor carioca atuou com um jogador a menos contra o rival goiano desde os 20 minutos do primeiro tempo, após a expulsão de David Braz.

Com 14 pontos, o Flu está na oitava colocação do Brasileiro. O Atlético-GO, por sua vez, venceu pela primeira vez fora de casa neste Campeonato Brasileiro. O Dragão pula para 13 pontos e para a 14ª colocação.

Na próxima rodada, o Fluminense visita o América-MG, nesta quarta-feira, às 21h30 (de Brasília), no Independência. O Atlético-GO tem mais um compromisso fora de casa: enfrenta o Palmeiras, quinta-feira, às 18h, no Allianz Parque.

Sem Ganso, suspenso, Fernando Diniz optou por Willian Bigode. O Fluminense partiu para cima. Aos três minutos, Cris Silva completou cruzamento e emendou para fora. A resposta do Atlético-GO por pouco não foi fatal. Aos dez, Hayner obrigou Fábio a salvar o Tricolor Carioca.

Aos 15, Cano perdeu um gol incrível. Luiz Henrique desceu pela direita e cruzou para o artilheiro. Livre, na pequena área, ele completou para fora, com desvio no goleiro. A noite tricolor se complicou aos 20 minutos. Em contra-ataque, Churín foi lançado e ganhou de David Braz na velocidade. O zagueiro, que era o último homem, fez falta e impediu chance clara de gol. Ele foi expulso e deixou o Flu com um jogador a menos.

O Atlético-GO quase abriu o placar. Wellington Rato chutou da entrada da área e acertou a trave. Depois, Fábio espalmou finalização de Jorginho da meia-lua. Aos 30, Fernando Diniz colocou Felipe Melo no lugar de Willian Bigode, para recompor a zaga tricolor.

O Fluminense não resistiu. Aos 34 minutos, Jefferson ficou com rebote e arriscou de fora da área: golaço. O Fluminense, nas cordas, conseguiu assustar. Aos 41, Luiz Henrique avançou, mas foi travado na finalização. No minuto seguinte, Fábio impediu o segundo. Wellington Rato ficou cara a cara e tentou uma cavadinha. O goleiro tricolor defendeu.

O Atlético-GO ampliou aos 45 minutos do primeiro tempo. Wellington Rato foi lançado às costas de Arias e bateu na saída de Fábio, colocando 2 a 0 no placar.

O Fluminense voltou com Caio Paulista e Nathan. Saíram Cris Silva e Wellington. O Tricolor Carioca passou a ter mais posse de bola. Contudo, encontrava dificuldade para criar.

O Atlético-GO buscava o contra-ataque e por pouco não ampliou. Wellington Rato foi lançado e parou em Fábio. No rebote, Airton emendou e viu Caio Paulista salvar o Tricolor Carioca.

Diniz fez mais duas mudanças. Ele colocou Alexandre Jesus e John Kennedy. Saíram Manoel e Cano. O Fluminense pressionou no fim. John Kennedy chutou para fora e depois parou no goleiro Ronaldo. Luiz Henrique ainda acertou o travessão. Apesar de tentar, o Flu não conseguiu nem sequer diminuir o placar e perdeu para o Atlético-GO.

Acesse o artigo original em > sonoticias.com.br
Fonte: Só Notícicas

COMPARTILHE!