Bem-vindo(a). Hoje é - Alta Floresta - MT
Anúncio Anúncio

Rússia diz que ‘não há base’ para negociações de paz com Ucrânia

Rússia diz que ‘não há base’ para negociações de paz com Ucrânia
Nos siga no Instagram para receber as notícias em primeira mão!

SÃO PAULO, SP (UOL-FOLHAPRESS) – A Rússia afirmou nesta segunda-feira (8) que “não há base” para negociações de paz com a Ucrânia após nova tentativa da Turquia para intermediar o diálogo, segundo a emissora Sky News. As conversas estão paralisadas desde o fim de março, quando delegações dos dois países se encontraram em Istambul.

Na ocasião, a Ucrânia se comprometeu a não entrar na Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte), mas exigiu garantias de segurança de potências internacionais e caminho livre para ingressar na União Europeia. Moscou e Kiev trocam acusações pela falta de progresso.

Não é a primeira vez que a Turquia se oferece para sediar uma reunião entre os presidentes da Rússia e da Ucrânia, mas essa hipótese sempre foi rejeitada por Moscou. Recentemente, o presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, conseguiu mediar um acordo para liberar a exportação de grãos da Ucrânia através do Mar Negro, uma rota que estava bloqueada pela Rússia.

Segundo o porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, os presidentes Vladimir Putin e Volodymyr Zelensky só poderão se encontrar depois que os negociadores fizerem “seu dever de casa”.

Na mesma entrevista, Peskov pediu que países do Ocidente com influência na Ucrânia a pressionem para o fim dos bombardeios na usina nuclear de Zaporizhzhia -a estrutura está sob gestão de militares russos desde março deste ano.

Neste fim de semana, a agência nuclear da ONU pediu o fim imediato de ações militares russas perto da usina de Zaporizhzhia e fez o alerta de que há um “risco bastante real de um desastre nuclear”. A Ucrânia diz que partes da instalação foram “seriamente danificadas” por forças militares.

O Ministério da Defesa do Reino Unido diz que a Rússia está usando a área para lançar ataques —aproveitando o “status protegido” da usina nuclear para reduzir o risco de ataques noturnos das forças ucranianas.

Fonte: https://www.noticiasaominuto.com.br/rss/mundo
Artigo extraído do site Notícias Ao Minuto

COMPARTILHE!