Bem-vindo(a). Hoje é - Alta Floresta - MT
Anúncio Anúncio

Corinthians vence Fluminense e enfrenta o Flamengo na decisão da Copa do Brasil

Corinthians vence Fluminense e enfrenta o Flamengo na decisão da Copa do Brasil
Nos siga no Instagram para receber as notícias em primeira mão!

Depois de ter arrancado um empate no Maracanã, o Corinthians fez a lição de casa na noite desta quinta-feira, venceu o Fluminense por 3 a 0 e conquistou a classificação para a grande final da Copa do Brasil de 2022, em busca do tetracampeonato.

O Timão vai enfrentar o Flamengo, em jogos de ida e volta, nos dias 12 e 19 de outubro. O sorteio de horários e mandos de campo ainda serão realizados pela CBF. Além de estarem na decisão, as equipes ainda embolsarão uma grande quantia: mais R$ 25 milhões ao vice e R$ 60 milhões ao campeão.

Apesar de algumas chances de perigo criadas, com Arias e Matheus Martins, o Timão foi mais impositivo. Mesmo cedendo dez bons minutos ao adversário, teve oportunidades e não desperdiçou aos 33, em chute colocado de Renato Augusto após passe de Róger Guedes. Vale mencionar, porém, que Fábio não estava bem posicionado no lance.

No segundo tempo, os visitantes se arriscaram mais no ataque – a bola na trave de Arias foi o principal lance -, deixando a área livre para contra-ataques, de onde surgiram as melhores chances do Alvinegro. Já aos 45, Giuliano, que entrou no lugar de Renato, fez mais um e Felipe Melo, contra, deu os números finais ao duelo.

Até a final ainda há tempo. O Timão entra em campo novamente já no domingo, às 18h (de Brasília), para enfrentar o América-MG, no Independência, enquanto o Fluminense tem clássico contra o Flamengo no mesmo dia, mas às 16h, no Maracanã, pela 27ª rodada do Brasileirão.

O jogo – A primeira chegada foi do Corinthians, em cobrança de escanteio de Fagner. Após jogada ensaiada, Renato Augusto pegou embaixo da bola e acabou mandando por cima. A resposta veio na jogada seguinte, quando Arias cabeceou após cruzamento e Cássio caiu para fazer defesa segura.

Pouco tempo depois, Renato acionou Róger Guedes na ponta esquerda, que chutou e mandou para fora. O Timão continuou pressionando e, aos 11, Gustavo Silva passou para Renato, que chegou chutando e obrigou ótima defesa de Fábio.

Aos 16, após jogada de paciência, Fagner ficou com a bola e fez cruzamento fechado para a área, mas Samuel Xavier tirou. Depois de sair com a bola de seu campo de defesa em investida do Flu, Du saiu errado, Ganso ficou com a bola e passou para Matheus Martins, que chutou cruzado e exigiu grande intervenção de Cássio.

Em melhor momento, o Tricolor foi para cima em belo lance de Ganso, que deu de calcanhar para Samuel, mas Balbuena tirou o cruzamento. Em sequências de escanteio, seguiu pressionando.

Nervoso, o Corinthians não conseguia ficar com a bola e nem criar como no início do duelo. No entanto, após ser pressionado em lance sem perigo, Fábio mandou a bola para frente, Balbuena ganhou pelo alto e passou para Róger. O atacante tocou para Renato, que tirou do goleiro – que não se posicionou novamente – e estufou as redes, com classe.

Já partindo para o final do primeiro tempo, Gustavo Silva, caindo pelo lado esquerdo, conseguiu driblar dois e chutar, mas a bola saiu pelo lado direito de Fábio.

Nem com um minuto de etapa complementar, Nathan passou para Caio Paulista, que chutou forte para defesa de Cássio. A resposta veio na sequência, em lance de Mosquito pela direita, que passou para trás, mas Du chutou fraco nas mãos de Fábio.

O Flu, precisando do placar, seguiu pressionando, ficando mais com a bola, enquanto o Alvinegro tentava nos contra-ataques. Em um deles, após roubada de bola no meio, Róger Guedes arrancou pelo lado esquerdo, limpou e chutou forte, para fora.

Aos 13 minutos, falta perigosa na entrada da área de Yuri em cima de Nino. Na cobrança, Jhon Arias explodiu no travessão. Pouco depois, Arias foi pela esquerda, passou por Gil e entrou na área. Nathan ficou com a bola, mas chute acabou travado. A pressão seguiu, ainda que sem grandes lances.

Em saída errada da defesa, Du Queiroz arriscou na frente do gol, tendo possibilidade de tocar para o lado, e mandou por cima da trave. Segundos depois, em novo erro do Flu, a bola ficou com Yuri, que chutou forte para fora.

O Tricolor teve boa chance aos 27, quando Ganso tocou para Nathan, que passou para Arias, mas Gil chegou tirando. Após escanteio, o Timão puxou contra-ataque, e Yuri Alberto carregou a bola para a entrada da área. No chute, Fábio fez a defesa.

Já aos 45 minutos, Giuliano, que entrou justamente no lugar de Renato, recebeu após tabela na entrada da área entre Adson e Yuri Alberto, e marcou para deixar a Fiel enlouquecida. Nos acréscimos, porém, após cruzamento de Adson, Felipe Melo mandou contra as próprias redes e deu os números finais à partida.

Fonte: https://www.sonoticias.com.br/category/agronoticias
Artigo extraído do site Só Notícias

COMPARTILHE!