Bem-vindo(a). Hoje é - Alta Floresta - MT
Anúncio Anúncio

Defesa vacila, Santos perde para o Ceará e se complica na luta por uma vaga no G6 do Brasileirão

Defesa vacila, Santos perde para o Ceará e se complica na luta por uma vaga no G6 do Brasileirão
Nos siga no Instagram para receber as notícias em primeira mão!

O Santos perdeu a sua segunda partida seguida no Campeonato Brasileiro. Neste sábado, o Peixe foi superado pelo Ceará por 2 a 1, fora de casa, pela 26ª rodada do torneio. Guilherme Castilho e Zé Roberto marcaram os gols dos mandantes, enquanto Marcos Leonardo descontou.

Com o resultado, o Alvinegro Praiano estacionou nos 34 pontos, na 10ª colocação. Assim, os paulistas podem ver o sonho de uma vaga na Libertadores de 2023 ficar ainda mais difícil, já que o Athletico-PR, que abre o G6, ainda joga na rodada, contra o Avaí. No momento, o Furacão tem 42 pontos. O Vozão, por sua vez, subiu para 12º, com 31.

O Santos volta a campo agora no próximo domingo, quando visita o Palmeiras, pela 27ª rodada do Brasileirão. A bola rola no gramado do Allianz Parque a partir das 18h30 (de Brasília). No mesmo dia, mas às 16 horas, o Ceará recebe o São Paulo.

O jogo – Os visitantes até tentaram iniciar a partida pressionando na Arena Castelão, mas quem acabou balançando as redes logo no início foram os anfitriões. Com apenas seis minutos do primeiro tempo, Guilherme Castilho aproveitou o vacilo da marcação, recebeu ótimo passe de Nino Paraíba e saiu cara a cara com João Paulo. O meia, então, tocou na saída do goleiro para abrir o placar.

Aos 19, quase saiu mais um. Guilherme Castilho cobrou falta pelo lado esquerdo e acertou o travessão. Dez minutos depois, no entanto, nada impediu o segundo. Bauermann recuou errado e viu Zé Roberto interceptar o passe. O atacante driblou João Paulo e empurrou para o fundo da meta.

Do outro lado, o Peixe criou a sua primeira grande chance aos 39. Marcos Leonardo recebeu bom lançamento de Soteldo e bateu para bela defesa de João Ricardo. O lance, entretanto, foi invalidado por impedimento do camisa 9. Instantes depois, foi a vez de Felipe Jonatan arriscar de fora e parar no goleiro.

Na volta do intervalo, o Ceará seguiu em busca de mais. Com o relógio marcando dois minutos, Guilherme Castilho finalizou de longe e obrigou João Paulo a se esticar todo para defender.

Com o susto, o Santos partiu para cima em busca da resposta, que saiu aos cinco. Marcos Leonardo foi acionado na meia-lua e ajeitou para Luan. O meia tentou o arremate de primeira, mas pegou mal e mandou para fora. No lance seguinte, Felipe Jonatan fez boa jogada individual pela esquerda e cruzou rasteiro. Na tentativa de cortar, Gabriel Lacerda acertou a trave e quase fez contra.

Aos 11, o Peixe enfim conseguiu balançar as redes. Richard Coelho tentou recuar, mas entrou nos pés de Marcos Leonardo, que invadiu a área e soltou o pé para descontar.

E os paulistas seguiram em cima em busca do empate. Com 27 minutos, Soteldo cruzou pela esquerda e a bola sobrou para Lucas Braga. Pressionado pela marcação, o atacante tentou o chute rasteiro, mas a bola saiu fraca para a fácil defesa de João Ricardo.

A partir de então, o Alvinegro Praiano seguiu rondando a área adversária, pore´me encontrou bastante dificuldade para criar chances reais. A melhor oportunidade saiu aos 43. Marcos Leonardo recebeu com liberdade no meio, driblou o zagueiro e arriscou de canhota. No meio do caminho, a bola desviou na defesa e saiu pela linha de fundo. Na cobrança de escanteio, Soteldo foi acionado no bico da área e bateu para a defesa de João Ricardo.

Já nos acréscimos, o Ceará apenas esfriou o jogo para sair da Arena Castelão com os três pontos.

Fonte: https://www.sonoticias.com.br/category/agronoticias
Artigo extraído do site Só Notícias

COMPARTILHE!