Bem-vindo(a). Hoje é - Alta Floresta - MT
Anúncio Anúncio

Navio da Marinha resgata argelinos à deriva na Espanha

Navio da Marinha resgata argelinos à deriva na Espanha
Nos siga no Instagram para receber as notícias em primeira mão!

Seis pessoas entre 25 e 50 anos de idade, que estavam em uma pequena embarcação, foram resgatadas pelo navio-escola (NE) Brasil da Marinha do Brasil (MB), a cerca de 83 km de distância, 45 milhas náuticas, do Cabo de Palos, na Espanha. O pedido de socorro foi feito na noite de ontem (2) à tripulação do navio, que, segundo a Marinha, avistou a embarcação de casco rígido e motor de popa, enquanto navegava entre Civitavecchia, na Itália, e Lisboa, em Portugal.

Conforme a Marinha, os seis, que se autodeclararam argelinos, tinham boas condições de saúde, o que foi constatado pela equipe médica do navio. “Além disso, não havia indícios de que estivessem no mar há muito tempo”, disse o Comandante do Navio, Capitão de Mar e Guerra Ricardo Araújo.

Os marinheiros brasileiros estão em viagem de Instrução de Guardas-Marinhas. Logo após o pedido de socorro, o navio brasileiro se aproximou para verificar a condição dos argelinos e prestar os apoios iniciais, oferecendo água, comida e coletes salva-vidas a todos. Uma lancha foi em direção aos seis, que queriam entrar na Espanha quando ficaram à deriva.

“Foi assim que a Marinha do Brasil acionou as autoridades marítimas espanholas, responsáveis pelo serviço de busca e salvamento daquela área. Até a chegada deles, o navio brasileiro e sua lancha permaneceram ao lado da embarcação, para garantir a segurança e atendimento básico aos estrangeiros”, afirmou a Marinha.

De acordo com o comandante, já havia anoitecido, o vento estava forte, e a previsão indicava uma degradação ainda maior das condições atmosféricas nas horas seguintes, o que de fato ocorreu, mas, ainda assim, foi avistada a pequena embarcação com o pedido de auxílio.

“Prestamos todo o apoio necessário e mantivemos os tripulantes em segurança até a chegada da aeronave espanhola que concluiu o resgate. A sensação é de dever cumprido. Minha tripulação reagiu prontamente e não poderíamos nos furtar de prestar auxílio à vida humana em perigo no mar”, afirmou.

A Marinha informou ainda que até o início de agosto deste ano contabiliza mais de 140 ações de busca e salvamento marítimo e o resgate com vida de 292 pessoas, somente em território nacional.

Dados do Serviço de Busca e Salvamento da Marinha, ou Salvamar Brasil, nome pelo qual é conhecido, indicam o total de 1.277 incidentes nos últimos três anos, o que representa média de uma solicitação por dia. “As operações de resgate acontecem por diversas causas, desde avarias nas embarcações até problemas de saúde dos tripulantes”, concluiu. 

Fonte: https://www.noticiasaominuto.com.br/rss/mundo
Artigo extraído do site Notícias Ao Minuto

COMPARTILHE!