Bem-vindo(a). Hoje é - Alta Floresta - MT

Apresentador russo pede para afogar e matar crianças ucranianas

Apresentador russo pede para afogar e matar crianças ucranianas
Nos siga no Instagram para receber as notícias em primeira mão!

Um apresentador e comentador pró-Putin foi suspenso do canal Russia Today depois de dizer que crianças que criticavam a Rússia deveriam ter sido “atiradas a um rio com uma corrente forte”.

No programa transmitido na semana passada, segundo a Sky News, Anton Krasovsky falava sobre um relato do autor russo de ficção científica Sergei Lukyanenko sobre como, quando ele visitou a Ucrânia pela primeira vez na década de 1980, as crianças lhe disseram que viveriam uma vida melhor se não estivessem sob controlo russo. 

“Eles deveriam ter se afogado no Tysyna”, disse Krasovsky em resposta. “Afoguem estas crianças, afoguem-nas”, defendeu, além de ter sugerido  “queimá-las.

Um segmento da entrevista também mostra Krasovsky rindo de relatos de que soldados russos tinham violado idosas ucranianas durante a invasão. 

Margarita Simonyan, editora-chefe do canal de notícias controlado pelo Estado russo, disse que Krasovsky foi suspenso por causa dos seus “comentários repugnantes”, acrescentando que ninguém no Russia Today compartilha da mesma opinião.

Num comunicado no site do canal, Simonyan acrescentou: “Pelas crianças da Ucrânia, tal como todas as do Donbass, e todas as outras, desejo que isto acabe o mais rapidamente possível, e que possam viver e estudar em paz de novo — na língua que considerarem nativa”.

Entretanto, Krasovsky já veio pedir desculpa, dizendo estar “muito envergonhado” com as suas próprias declarações.

O Russia Today foi banido em muitos países ocidentais pelos seus comentários pró-guerra. 

Fonte: https://www.noticiasaominuto.com.br/rss/mundo
Artigo extraído do site Notícias Ao Minuto

COMPARTILHE!