Bem-vindo(a). Hoje é - Alta Floresta - MT

Corpo de Bombeiros aplica R$ 41,5 milhões em multas na Região Norte de Mato Grosso

Corpo de Bombeiros aplica R$ 41,5 milhões em multas na Região Norte de Mato Grosso
Nos siga no Instagram para receber as notícias em primeira mão!

O Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso aplicou R$ 41,5 milhões em multas por uso irregular do fogo, associado ao desmatamento ilegal, na Região Norte do Estado. Ações da Operação Abafa Amazônia 2022 resultaram, entre os dias 04 e 15 de outubro, na apreensão de sete tratores, duas carretas para transporte de material, 2.583 peças de madeira serradas de castanheira, uma serraria móvel e uma balança de gado, sete motosserras, três motocicletas e 440 cabeças de gado.

A tenente-coronel Jusciery Rodrigues, comandante do Batalhão de Emergências Ambientais (BEA), explica que a operação teve como objetivo principal controlar o uso irregular do fogo e a degradação ambiental por desmatamento. Segundo ela, a ação percorreu os municípios de Nova Monte Verde, Nova Bandeirantes, Paranaíta, Apiacás, Alta Floresta, Tabaporã e Juara e contou, com 32 alvos fiscalizados com maior incidência de supressão da vegetação e focos de calor.

“O Corpo de Bombeiros determinou, inicialmente, 26 alvos de fiscalização, após o monitoramento via imagens satélites na Sala de Situação do BEA. Entretanto, durante a operação percebemos novos alvos em potencial, o que elevou nosso número para 32 propriedades privadas fiscalizadas, resultando na aplicação de R$ 41,5 milhões em multas. Conseguimos fiscalizar além do esperado, graças a equipe de excelência composta pela Sema, Sesp e Força Nacional”, pontua a comandante.

Participaram da ação a Sema, Batalhão de Polícia Militar de Proteção Ambiental, Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), Delegacia Especializada de Meio Ambiente (Dema), Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp), Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) e Diretoria da Força Nacional de Segurança Pública.

Período proibitivo

O período proibitivo do fogo em Mato Grosso começou no último dia 1º de julho e segue vigente até o dia 30 de outubro. É proibido o uso de fogo em áreas rurais para limpeza e manejo durante estes meses, levando em consideração o risco de incêndios florestais de grande porte. Em áreas urbanas, o uso do fogo é proibido durante todo o ano.

Fonte: Assessoria

COMPARTILHE!
WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE