Bem-vindo(a). Hoje é - Alta Floresta - MT

Homem que atacou Kirchner é indiciado por possuir pornografia infantil

Homem que atacou Kirchner é indiciado por possuir pornografia infantil
Nos siga no Instagram para receber as notícias em primeira mão!

SÃO PAULO, SP (UOL-FOLHAPRESS) – O brasileiro Fernando Sabag Montiel, acusado de tentar matar a vice-presidente da Argentina, Cristina Kirchner, no mês passado, foi indiciado pela Justiça por possuir e distribuir conteúdo com exploração sexual de menores de idade.

De acordo com o jornal Clarín, Sabag Montiel tinha mais de cem fotos e vídeos com meninos e meninas de menos de 13 anos em seu celular. Inicialmente, o homem tinha apagado todo o conteúdo do aparelho, mas a polícia encontrou os arquivos em um cartão de memória.

Ainda segundo o jornal, ele vai ser chamado a depor e terá um julgamento público.

QUEM É SABAG MONTIEL

Fernando Andrés Sabag Montiel nasceu no Brasil, mas chegou à Argentina ainda criança, em 1996. Ele trabalhava como motorista de aplicativos.

No mês passado, ele foi preso após tentar atirar na vice-presidente argentina em Buenos Aires. Depois do atentado, a polícia apreendeu 100 munições de calibre 9 milímetros na casa dele.

SÍMBOLO NAZISTA

Segundo o jornal La Nación, o homem se apresentava nas redes sociais como “Fernando Salim Montiel” -as contas foram apagadas na madrugada seguinte ao atentado. De acordo com a publicação, ele seguia muitas páginas na internet ligadas a grupos radicalizados ou de ódio.

Fotos publicadas nas redes sociais mostram que ele tem uma tatuagem de um sol negro, símbolo popular entre neonazistas.

Fonte: https://www.noticiasaominuto.com.br/rss/mundo
Artigo extraído do site Notícias Ao Minuto

COMPARTILHE!