Bem-vindo(a). Hoje é - Alta Floresta - MT

Corinthians perde para Atlético-MG na Arena e termina Brasileirão na 4ª posição

Corinthians perde para Atlético-MG na Arena e termina Brasileirão na 4ª posição
Nos siga no Instagram para receber as notícias em primeira mão!

O Corinthians perdeu para a equipe do Atlético-MG por 1 a 0 na tarde deste domingo, pela última rodada do Campeonato Brasileiro, na Neo Química Arena. Com esse resultado, o Timão termina o Brasileirão na quarta colocação, com 65 pontos e vaga direta para a próxima Copa Libertadores.

O Atlético-MG, por sua vez, terminou a competição na sétima posição, conseguindo classificação para as primeiras fases da Libertadores.

O jogo foi marcado pelo equilíbrio: ambas as equipes alternaram momentos de domínio durante os 90 minutos e tiveram chances de gol. O diferencial foi a penalidade cometida por Fausto Vera na reta final do primeiro tempo, na qual Eduardo Vargas não desperdiçou.

O técnico Vítor Pereira não esteve à beira do campo para comandar o Corinthians, já que foi expulso diante do Coritiba. Filipe Almeida, seu auxiliar, foi quem comandou o Alvinegro nesta tarde.

O treinador português tem futuro indefinido no Corinthians, por conta de problemas familiares. Cuca, do Galo, também não confirma se seguirá no clube em 2023.

Agora, ambas as equipes descansarão enquanto pensam no planejamento para 2023. O Corinthians terá pela frente o Campeonato Paulista, enquanto o Galo disputará o Mineiro.

O jogo – O primeiro tempo foi marcado pelo equilíbrio, com as duas equipes alternando momentos na partida. Os primeiros 10 minutos foram do Timão, que assustou com cabeçada de Gil em bola parada, passando perto da meta de Everson.

Aos 15, o Galo teve sua primeira chance com o chileno Eduardo Vargas, que cabeceou para defesa tranquila de Cássio. O Timão respondeu em seguida com contragolpe bem armado por Róger Guedes, que lançou Yuri Alberto em profundidade e viu o companheiro finalizar em cima de Everson.

O Atlético-MG teve duas boas chegadas em sequência, primeiro em chute de fora da área de Jair para defesa de Cássio e depois com um voleio de Zaracho na pequena área, passando perto da meta corintiana.

O time comandado por Filipe Almeida voltou a assustar aos 22 minutos, com Róger Guedes, que finalizou de forma colocada, passando perto da meta atleticana. Aos 29, o camisa 10 voltou a assustar, recebendo passe de Du Queiroz e chutando com a perna esquerda para defesa de Everson.

O empate estava encaminhado até Fausto Vera abrir o braço em cruzamento de Nacho Fernández e cometer penalidade máxima. Na cobrança, Vargas finalizou forte, deslocando Cássio.

A primeira chegada da segunda etapa foi do Corinthians. Du Queiroz disparou na ponta direita, cruzou para Fábio Santos e o lateral-esquerdo finalizou na rede do lado de fora, levantando o estádio.

O Galo respondeu cinco minutos depois, com cabeçada de Réver, que passou raspando a trave de Cássio. Aos 14, Du Queiroz finalizou de média distância, passando perto da meta de Everson.

Aos 18 minutos, Renato Augusto deu mole na saída de bola e foi desarmado pelo Nacho Fernández, que finalizou para defesa difícil de Cássio. O Corinthians respondeu pouco tempo depois, em chute de fora da área de Róger Guedes que passou por cima da meta do Galo.

Aos 23, em contragolpe, Keno colocou Cássio para trabalhar em jogada perigosa. O Corinthians respondeu com Mateus Vital, em chute de fora da área que ganhou altura.

Aos 38, Nacho teve a grande chance de ampliar o marcador em contragolpe, cabeceando sem marcação para longe do gol corintiano. Ademir ainda assustaria a defesa do Corinthians, em chute que faria Cássio trabalhar.

Mesmo precisando do resultado, o Timão não sufocou o Galo nos minutos finais, facilitando a vida dos atleticanos e frustrando a torcida que lotou a Neo Química Arena.

Fonte: https://www.sonoticias.com.br/category/agronoticias
Artigo extraído do site Só Notícias

COMPARTILHE!