Bem-vindo(a). Hoje é - Alta Floresta - MT

‘Sniper’ ucraniano teria abatido soldado russo a quase 3 kms de distância

‘Sniper’ ucraniano teria abatido soldado russo a quase 3 kms de distância
Nos siga no Instagram para receber as notícias em primeira mão!

As Forças Armadas da Ucrânia divulgaram, nesta semana, imagens que mostram um ‘sniper’ ucraniano atirando em um soldado russo a cerca de 2.710 metros de distância. Se for confirmado, trata-se do segundo tiro mais longo da história.

“O tiro preciso do ‘sniper’ das nossas Forças Especiais eliminou o ocupante [soldado russo] a uma distância de 2.710 metros”, escreveu o Comando de Comunicações Estratégicas da Ucrânia na plataforma Telegram.

Este poderá ser o segundo tiro mais longo da história. O primeiro pertence a um militar canadense que abateu, em 2017, um combatente do Estado Islâmico a uma distância de 3.450 metros, no Iraque. 

Atualmente, o segundo lugar é detido pelo britânico Craig Harrison, que, em 2009, abateu um talibã na província de Helmand, no Afeganistão, a 2.475 metros de distância.

O conflito entre a Ucrânia e a Rússia começou em fevereiro com o objetivo, segundo o presidente russo Vladimir Putin, de “desnazificar” e desmilitarizar a Ucrânia para segurança da Rússia. A operação foi condenada pela generalidade da comunidade internacional.

A ONU confirmou que cerca de seis mil civis morreram e quase dez mil ficaram feridos na guerra, sublinhando que os números reais serão muito superiores e só poderão ser conhecidos quando houver acesso a zonas cercadas ou sob intensos combates.

 

Fonte: https://www.noticiasaominuto.com.br/rss/mundo
Artigo extraído do site Notícias Ao Minuto

COMPARTILHE!