Bem-vindo(a). Hoje é - Alta Floresta - MT

Cantor de Sorriso condenado a 72 anos por estuprar filhos é preso no nordeste

Cantor de Sorriso condenado a 72 anos por estuprar filhos é preso no nordeste
Nos siga no Instagram para receber as notícias em primeira mão!

Condenado a 72 anos de prisão, estuprador é preso no Alagoas após anos foragido. O criminoso recebeu pena por abusar sexualmente dos filhos e do enteado, em Sorriso (420 km ao Norte), comarca em que foi julgado. Na época as crianças tinham entre 2 e 8 anos, duas meninas filhas biológicas do homem e enteado.

Segundo trecho da ação que o condenou, em 2021, “chama a atenção o fato do criminoso ser um molestador sadista e oportunista que, no caso em concreto, transformou o lar de sua família num calabouço para a satisfação de sua lascívia, às custas da dor e sofrimento de seus enteados e filhos”.

Informações divulgadas pela Polícia Civil dão conta de que Cícero Ribeiro dos Santos foi preso 2016 e teve liberdade no ano seguinte, mas fugiu. Após anos de apuração, ele foi localizado nesta quarta-feira (14) no estado nordestino.

A equipe do Núcleo de Inteligência da Delegacia Regional de Confresa fez diligências e descobriu o paradeiro do foragido, que teve a prisão preventiva decretada pela 2ª Vara da Comarca de Sorriso, em função da decisão condenatória, e depois de ter descumprido medidas cautelares aplicadas.

Reportagens veiculadas na época narram que os crimes foram descobertos após uma parente visitar a família e perceber comportamento “diferente” do menino. Investigando mais a fundo, foi descoberto quer o criminoso ficava sozinho com as crianças enquanto a mãe trabalhava. Nesses momentos, deixava o menino sem comer, batia, colocava pimenta na comida e o obrigava a consumir tudo. Ameaçava para que não contasse da agressão a ninguém e dava pinga ao enteado.

Após ser solto, em 2017, o criminoso teria se mudado para Alagoas e no estado constituiu uma nova família, que não tinha conhecimento dos crimes que ele respondia em Mato Grosso. Lá, ele trabalhava como instrutor de canto e de instrumentos musicais, frequentava igreja e não levantava qualquer suspeita da comunidade local.

A localização do condenado faz parte da Operação Amón, da Regional de Confresa, para cumprimento de mandados de procurados pela Justiça. Amón é nome de origem grega e significa oculto ou escondido.

Fonte: Gazeta Digital
COMPARTILHE!
WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE