Bem-vindo(a). Hoje é - Alta Floresta - MT

Turismo: O que fazer nas férias em Alta Floresta?

Turismo: O que fazer nas férias em Alta Floresta?
Nos siga no Instagram para receber as notícias em primeira mão!

A pergunta que todo turista faz ao tomar conhecimento desse santuário do ecoturismo na Amazônia Mato-grossense cheio de atrativos naturais, localizada na divisa entre os estados de Mato Grosso e Pará: – O que fazer nas férias em Alta Floresta?

Confira algumas de nossas dicas e aventure-se!

Entramos no período de férias (dezembro a fevereiro), período em que recebemos visitas de parentes e amigos em nossas casas, em que as crianças estão fora do período escolar. Período em que nos organizamos e proporcionamos bons momentos de lazer e podemos construir boas memórias.

Pensando nisso, reunimos algumas opções de lazer e passeios para curtir com a família e amigos, ou até mesmo curtir a própria companhia, aqui mesmo em Alta Floresta. A direção municipal de turismo, vem promovendo a valorização dos produtos e serviços do turismo local, entre eles a ruralidade de pequenos e grandes empreendimentos do setor, e tem como um de seus objetivos ampliar as opções aos munícipes e seus visitantes.

Não tem como falar do turismo sem antes falar um pouco de nosso município. Localizado a cerca de 800 km da capital, Cuiabá, na região Norte do Estado.

As rodovias de acesso à cidade são (BR-163 e BR-364) e (MT-320 e 208). Os principais atrativos turísticos são, a Floresta Amazônica, o Rio Teles Pires, as RPPN’s do Cristalino, a Sumaúma, o Centro Cultural, o Avião Douglas DC-3.

Alta Floresta impressiona quem busca um destino para descansar em meio a natureza. Tem seu destaque no ecoturismo e birdwatching, turismo de negócios e eventos, turismo cultural, é indutora no turismo de pesca esportiva, e tem impulsionado o turismo no meio rural.

Com rica biodiversidade de flora e fauna, a floresta amazônica do município abriga árvores centenárias, que dividem espaços com a agricultura, a pecuária, fruticultura, dando uma infinidade de opções para visitantes, aqui há muitas dessas atividades para se fazer.

Temos opções de passeios para todas as idades, que pode ser desde ir pedalar e parar para apreciar o Lago das Capivaras, ou ir até sítios, chácaras, fazendas, beira de rio ou córregos, a uma trilha em meio a floresta fechada. Esse lazer faz bem para a alma, são experiências de sentir o vento no rosto, tocar a água, ou mesmo colher uma fruta no pé.

E então, vamos lá conhecer um pouco desses espaços?

 

Atrativos culturais

 

Avião Douglas D-C3

Uma máquina muito utilizada e crucial para a colonização do município de Alta Floresta atualmente um dos principais pontos turísticos da cidade. O avião foi revitalizado e alocado na Praça da Cultura, ao lado do Centro Cultural de Alta Floresta, canteiro central entre as Avenidas Ludovico da Riva Neto e Ariosto da Riva. O avião recebe turistas e alunos das escolas do município que podem conhecer o interior da aeronave. Localizado anexo ao Centro Cultural, no canteiro central, Rua U-2, 102 – A, também conhecida como Praça da Cultura, aos fundos do prédio da Prefeitura Municipal.

Contato: (66) 3521-9880

Instagram: @cultura.altafloresta

 

Museu de História Natural de Alta Floresta – MT

O Museu de História Natural de Alta Floresta faz parte de um projeto de pesquisa e extensão universitária da Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat). O Museu dispõe de inúmeros atrativos, ambiente climatizado e de fácil acesso bem no centro da cidade, o Local tem forte apelo para o fortalecimento das ações de educação patrimonial e de popularização das ciências onde recebe a comunidade acadêmica para o fomento de pesquisas cientificas.

Possui algumas salas com exposições permanentes, desde objetos históricos e icônicos da região, passando pela zoologia com demonstrativos de nossa Fauna local, e chegando às peças de arqueologia contando até mesmo com uma réplica fóssil de Dinossauro. O Museu também abriga um anfiteatro onde é frequentemente utilizado para palestras, cursos, atividades culturais e artísticas.

Endereço: Av. Ariosto da Riva, 3075 – Centro.

Aberto de segunda a sexta-feira.

Telefone(66) 3521-9555

Instagram: @museudealtafloresta

 

 

Feira Municipal

Feira Livre da Produção Rural e do Empreendedor Individual Odílio Oliveira de Paula, organizada e administrada pela APRUSFAF (Associação dos Produtores Rurais Urbanos, Suburbanos e Feirantes de Alta Floresta). Inaugurada em 1984.

Aos domingos pela manhã, ocorrem a ampla comercialização de produtos oriundos da agricultura familiar, plantas, artesanatos, lanches, comidas típicas, produtos naturais entre outros. Durante a semana, ficam abertas lanchonetes, pastelarias e banca de produtos naturais.

Localização: Rua H7, A. Um de seus acessos ocorrem pela Avenida Ariosto da Riva, em frente ao Centro Cultural e de Eventos.

 

Casa do Artesanato

Administrada pela Associação Altaflorestense de Produtores Artesanais, com diferentes peças para decoração, uso doméstico, lembrancinhas (souvenir) produzidos por artesãos da cidade e da região.

 

Endereço: Avenida Ludovico da Riva Neto N° 2362. Centro, Alta Floresta – MT. Na praça cívica.

Horário: Segunda a sábado das 08h00 às 11h00. 13h00 às 17h00

Domingos e Feriados: das 16h00 às 18h30min.

Contato: (66)3521-9207/ 66 9 9217-4560 (Paulo)

Instagram: @casadoartesanatoaf

 

Atrativos Naturais

Rio Teles Pires

O Rio Teles Pires (ou rio São Manoel), um dos maiores atrativos da região, principalmente para a pesca esportiva, é um curso de água que banha os estados de Mato Grosso e Pará (sendo seu divisor natural), no Brasil. No período das secas, suas águas são cristalinas e de rara beleza, enquanto no período das cheias (outubro a maio), tornam-se escuras e altas. Para acesso ao rio há diversas estradas no município, mas o mais utilizado para saída de barcos e banho no porto de areia, é por meio da MT 325, sentido ao Estado do Pará.

 

Porto de areia no Rio Teles Pires

O acesso à praia é realizado pela vicinal 1ª Leste, em seguida pela MT 325. O local era ponto de retirada de areia para as construções na cidade no período da colonização, e com o passar do tempo tornou se uma pequena praia, frequentada por munícipes e turistas, para banho, e para a prática de pesca esportiva e lazer. Próximo fica o restaurante e bar flutuante do Bisteca.

 

Paineira/Sumaúma

A árvore Ceiba Pentandra, popularmente conhecida como Sumaúma, Samúma ou Paineira, é uma das maiores árvores da Amazônia e encanta por sua beleza e porte. O exemplar possui aproximadamente 380 anos e chega a 50 metros.

A Samaúma está numa área nativa de 87 hectares de Floresta Amazônica. A gestão da área é realizada pela Fundação Servir, uma entidade sem fins lucrativos ligada à Igreja Católica, Paroquia Santa Cruz.

A trilha até a árvore possui um percurso de 150 metros, favorecendo a observação de uma rica fauna e flora. A área do atrativo abrange 87,42 hectares, a área foi doada para a Fundação Servir pelo Sr. Ariosto da Riva, em 1989. Em 2022 recebeu o prêmio da 11ª edição do “Concurso Ambiental Colosos De La Tierra 2022.

A Samaúma concorreu entre 22 árvores, através da entidade “A Todo Pulmón Paraguay Respira” com suas medidas de 61 metros de altura, 4 metros de circunferência de tronco e 304 metros quadrados de circunferência de copa.

Foi cenário de duas produções cinematográficas: o Curta-metragem Vestígio do Tempo (2009), um curta metragem genuinamente produzido pelo Teatro Experimental de Alta Floresta (Direção de Ronaldo Adriano), e cenário da Série: O hóspede Americano – da plataforma streaming HBO Max – 2021.

Está localizada no Sítio Ecológico da Paineira, 3° leste, 28 km da cidade de Alta Floresta.

Localização: No Sítio Ecológico da Paineira, a 28 km do centro de Alta Floresta, na Comunidade Santa Cruz da Paineira, pela Vicinal 3º Leste.

Visita realizada somente com autorização e agendamento prévio.

Telefone: (66) 9 9693-5630

e-mail: fundacaoservir@hotmail.com

Instagram: @sitio_dapaineirafs

Curiosidades: Samaúma do sítio Ecológico da Paineira vence concurso internacional

 

 

Figueira Gigante

Também conhecida como Falsa-seringueira, árvore de porte grande, não é nativa da floresta amazônica, que chama a atenção de todos que passam pela avenida do Setor G.

Essa árvore alcança até mais de 4 metros de diâmetro no tronco. Possuí raízes aéreas extremamente fortes. Nome Popular: falsa-seringueira, árvore-da-borracha, borracheira, goma-elástica, fícus-italiano, figueira-branca. Origem: Ásia – Índia, Malásia e Indonésia.

Plantada por uma moradora do bairro Setor G. Tem mais de 35 anos.

Ao lado dela tem instalado um equipamento público de atividade física, possuí uma academia de A.T.I. (a ATI-Academia da Terceira Idade ou Academia ao Ar Livre.

 

Sítio Savana de Pedra

Oferece passeios em trilhas para caminhadas ou ciclismo, aluguel de campo de futebol, barracão com churrasqueira, banho de represa, bosque para contemplação da vida selvagem.

Informações e agendamento prévio: Rodrigo (66) 9 9681 7857 ou Agnaldo (66) 9 9 999-9621.

Acesso: na Rodovia MT 208, para quem saí do centro de Alta Floresta, estrada sentido ao município de Paranaíta, logo após o Frigorífico JBS, a primeira estrada a esquerda. Na Comunidade Nossa Senhora de Guadalupe. Aproximadamente 12km do centro de Alta Floresta MT. Como é uma comunidade que conta com várias chácaras, é necessário combinar com o responsável sobre a localização.

 

Sítio Flores

Localizado em Alta Floresta/MT, na Comunidade Nossa Senhora de Guadalupe, é um espaço de vivências, com trilha ecológica, observação de fauna e aves, oficinas temáticas, atividades artísticas e culturais. Bioconstruído e integrado na floresta, espaço para hospedagens e realização de eventos.

Oferece também serviço de alimentação através da Cozinha Natural do Sítio Flores, com um cardápio todo especial pra você saborear uma alimentação deliciosa e não convencional. Serviços com agendamento prévio. Delivery quinzenal da cozinha, com pedidos antecipados

 

Instagram: @_sitioflores

Contato: (66) 9 9211 4038

Acesso: na Rodovia MT 208, para quem saí do centro de Alta Floresta, estrada sentido ao município de Paranaíta, logo após o Frigorífico JBS, a primeira estrada a esquerda. Na Comunidade Nossa Senhora de Guadalupe. Aproximadamente 12km do centro de Alta Floresta MT. Como é uma comunidade que conta com várias chácaras, é necessário combinar com o responsável sobre a localização.

 

Ponto Agroecológico Dente-de-Leão

Espaço de soluções sustentáveis, formações e vivências agroecológicas.

Desenvolve ações de turismo no meio rural, ecoturismo, observação de vida silvestre, trilhas e hospedagens com experiências únicas com a floresta amazônica.

Visitação, hospedagens e cursos sob agendamento.

Contato: 66 9 9219-9034

Instagram: @pae.dentedeleao

Acesso: na Rodovia MT 208, para quem saí do centro de Alta Floresta, estrada sentido ao município de Paranaíta, logo após o Frigorífico JBS, a primeira estrada a esquerda. Na Comunidade Nossa Senhora de Guadalupe. Aproximadamente 12km do centro de Alta Floresta MT. Como é uma comunidade que conta com várias chácaras, é necessário combinar com o responsável sobre a localização.

 

Chácara Cavalli – Locação para eventos

Com uma pequena trilha em meio a biodiversidade local, seu foco lá é locação para lazer da família, conta com área de churrasco, tirolesa, banho na represa, contemplação da natureza.

Visita com agendamento prévio.

Contato: (66) 9 9236-2175

Responsável: Webster Augusto

Acesso: na Rodovia MT 208, para quem saí do centro de Alta Floresta, estrada sentido ao município de Paranaíta, logo após o Frigorífico JBS, a primeira estrada a esquerda. Na Comunidade Nossa Senhora de Guadalupe. Aproximadamente 12km do centro de Alta Floresta MT. Como é uma comunidade que conta com várias chácaras, é necessário combinar com o responsável sobre a localização.

 

Chácara Esteio

Cercada pela natureza, é propícia para o turismo no meio rural, contem roda d’água, vacas, cavalos, galinhas da angola, perus, marrecos, patos, represa com peixes, trilhas. Vale destacar que suas fotografias terão uma paisagem linda para memoráveis registros cercados pela natureza. Não é cobrada taxa de visitação.

Agendar com Ercio Luedeke (66 9 9202-6417/ 3521-3441) ou Leandro (9- 8404-1212).

Localização: Vicinal 1º Leste, Setor Jardim das Araras, Nº 137/3 aproximadamente 4km do centro de Alta Floresta MT. Aberta para visitações das 07h00 às 11h00 e das 13h00 às 17h00.

 

Chácara do Bernal

Para passeios, contemplação da natureza, churrasco ao ar livre, essa chácara é propícia para descansar e aproveitar horas livres com a família ou amigos. Especial para ensaios fotográficos, eventos sociais, conta com espaço para pequenos eventos, banheiros, passarelas, capela, piscina, bosque.

Necessário agendamento prévio e pagamento de taxa de uso. Falar com João (66 9901-3898).

Localização: Vicinal 1º Leste, Setor Jardim das Araras, aproximadamente 5km do centro de Alta Floresta MT.

 

Rancho Odílio

A empresa Rancho Odilio Centro de Equitação e Equoterapia, tem como principal atividade, as práticas integrativas e complementares em saúde humana. Oferta Aulas de Equitação e Equitação Lúdica Equoterapia.

Possuí uma reserva de floresta onde é possível fazer para passeios, contemplação e contato com a natureza, ensaios fotográficos e eventos sociais.

Contato: (66) 99248-0821 ou (66) 98417-4751.

Instagram: @ranchoodilio

Localização: Estrada 1ª Vicinal Leste, SN, LOTE RURAL 131/2, Gleba Alta Floresta, Alta Floresta/MT.

 

 

Hotel Cristalino Lodge

A proposta do Cristalino é manter a floresta em pé e ao mesmo tempo realizar atividades de ecoturismo no sul da Amazônia, numa área reconhecida como uma das mais importantes em termos de biodiversidade do mundo.

Da área original de 700 hectares foram utilizados apenas 2 hectares para a construção da infraestrutura que é hoje o hotel.

Em 1997, o Cristalino Lodge criou a primeira RPPN no norte do Mato Grosso, que assegura a sua preservação de forma perpétua. Hoje, a reserva cresceu e já conta com 11.399 hectares – uma área seis vezes maior do que o Arquipélago de Fernando de Noronha – servindo, junto com o Parque Estadual Cristalino, como um corredor da vida selvagem para a incrível diversidade de espécies endêmicas da região.

Cristalino é o nome do magnífico rio amazônico de águas cristalinas com 114 quilômetros de comprimento – desde a sua nascente no Pará até a foz no Mato Grosso, onde o Cristalino Lodge está localizado.

Em português, a palavra “cristalino” quer dizer “límpido” e, apesar da coloração escura deste rio, denota a sua característica de pureza e preservação, que ocorre pelo tanino das folhas e pela formação de rochas cristalinas de granito rosa – criando paisagens deslumbrantes.

As atividades diárias incluem trilhas interpretativas pela floresta lideradas por guias experientes, caminhadas para observação de aves, passeios de barco e canoagem, além de belos amanheceres e fins de tardes nas duas Torres de Observação estão entre os destaques. Outros ainda consideram ainda mais memorável relaxar no deck flutuante sobre o rio Cristalino ou cochilar na rede.

O Cristalino Lodge é ideal para pessoas que gostam da natureza e que queiram fazer parte da conservação local, sendo uma ótima pedida para casais, luas-e-mel, famílias, e grupos de amigos.

O hotel é vencedor do World Savers Award, da Condé Nast Traveler em 2008, e foi selecionado como um dos 25 melhores Ecolodges do mundo pela National Geographic Traveler em 2013 devido à oferta de experiências autênticas, mescladas com turismo responsável e conforto.

 

Visitas somente com reserva de Hospedagem.

Site: http://cristalinolodge.com.br/pt/

Instagram: @cristalinolodge

Email: office@cristalinolodge.com.br

Telefones: (11) 3071 0104  e (66) 3521 2221

 

Fazenda Anacã

Com estrutura aconchegante, dispõe de seis apartamentos para acomodações confortáveis para descanso entre um passeio e outro. Sala de convivência para as refeições, espaço para leituras que conta um uma biblioteca diversificada. Seu restaurante é privativo para os hóspedes, priorizam ingredientes frescos, orgânicos e regionais como a castanha, cupuaçu, açaí e peixes.

O bar para drinks e bebidas é anexo ao salão de convivência. O jardim possuí diversas espécies como orquídeas, helicônias, bromélias e palmeiras. Sua piscina possuí um desenho orgânico com borda submersa que encontra com a vegetação e sua vista proporciona apreciar o pôr do sol singular.

De aves são mais de 300 espécies catalogadas por biólogos e guias ornitólogos especializados, com destaque àquela que deu nome à Fazenda, o Anacã, uma espécie de papagaio que quando excitado levanta seu cocar de cores exuberantes e impressiona por sua beleza.

As árvores plantadas no entorno da sede e os buritizais atraem muitas espécies de psitacídeos, que podem ser vistos da varanda dos quartos. De primatas são 4 espécies podem ser observadas nas trilhas da fazenda. Podem ser observados insetos, aracnídeos, répteis, anfíbios e mamíferos, uma biodiversidade que impressiona, algumas espécies podem ser encontradas durante o ano todo, e outras em determinados meses ou estações.

Conceito da Fazenda está baseado em uma logística simples por ser bem próximo ao núcleo urbano da cidade, para visitação de áreas de mata preservada nas proximidades e dentro da Fazenda, é possível observar as belezas desta magnifica floresta e sentir toda a energia e a paz que ela nos transmite quando estamos imersos nesse ambiente que costuma nos surpreender a cada passo.

Visitas somente com reserva de Hospedagem.

Localização: Primeira Vicinal Oeste, sem número, Fazenda Anacã – Zona Rural. Mais informações com Fernão (66)9 8445-8376

 

Atrativos Urbanos

Bairro Aquarela Hamoa

Espaço que faz parte de um bairro conceitual contemporâneo, com áreas planejadas, localizado nas margens da Rodovia MT 208, próximo ao IFMT, possuí um chafariz na entrada do bairro, lagos com peixes, árvores e jardins com paisagismo moderno, espaço poliesportivo.

Espaço aberto ao público.

 

Viveiro Bios da Amazônia

O espaço possuí uma oca indígena e um lago com peixes, ainda se destacam as obras dos artistas locais, pinturas e artesanatos que deixam o ambiente mais agradável e acolhedor.

Conta com um vasto acervo de mudas de árvores frutíferas já produzindo. Além disso, e o que a torna um lugar diferenciado dos demais é que trata-se de um local dedicado à cultura regional. O atendimento especializado é oferecido pelo professor Fabiano (Mestre em Biologia pela UNEMAT), para a satisfação de todos aqueles que amam a natureza.

Aberto em horário comercial.

Informações: (66) 9 9247-5228

Localização: Avenida Amazonas, n.1449, Setor norte 3. Próximo ao Supermercado Kinfuku da Cidade Alta.

 

Chácara Paraíso das Aves

Espaço com diversidade de aves ornamentais, tais como: cisnes, patos, marrecos, pavões, faisões, emus, peixes. Local com disponibilidade para fazer piquenique. Localizada bem próxima ao centro da cidade. Há a possibilidade de aquisição de ração para alimentar os peixes.

Visitação aquisição de ingresso. Pagamento em dinheiro, cartão ou pix.

Aberto para visitas todos os dias.

Horário: das 08h00 às 11h00 e das 13h00 às 17h00

Endereço: Av. Airton Senna, Chácara N.02. Alta Floresta – MT, 78580-000

Contato: (66) 9 9955-6131/ 9 8436-5020

Instagram: @paraiso_das_aves_af

 

Lagoa da C e a Praça da agenda 2030 da ONU

Como um município inserido no Bioma Floresta Amazônica, Alta Floresta tem planejado e desenvolvido com responsabilidade as políticas públicas de fomento e comunicação dos 17 ODS- os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável da Organização das Nações Unidas-ONU, almejando ser um instrumento capaz de criar e fortalecer vínculos entre os munícipes, a biodiversidade local e também para os visitantes.

A história da revitalização do espaço do entorno da Lagoa das Capivaras, conta ainda com as mãos dos reeducandos do Projeto Nova Chance, que estiveram na linha de frente.

O projeto Nova Chance foi instituído no município em junho de 2013, vem colaborando no processo de ressocialização de reeducandos reclusos na Cadeia Pública de Alta Floresta.

Para quem não conhece o Projeto é desenvolvido em parceria entre a prefeitura, Secretaria de Justiça e Direitos Humanos e a Fundação Nova Chance, autarquia estadual responsável pelos projetos de ressocialização e intermediação de mão de obra de reeducandos. E os reeducandos também tiveram a oportunidade de conhecer e aprender informações sobre os 17 ODS durante a execução da obra.

Possuí um singelo paisagismo que busca atrair a rica diversidade de aves que por ali passam diariamente, de espécies frutíferas tem bananeiras, jabuticabeiras, ingá, para consumo dos visitantes e da fauna local.

O espaço é público, bem localizado e muito frequentado. Possuí uma academia de A.T.I. (a ATI-Academia da Terceira Idade ou Academia ao Ar Livre, surgiu para incentivar os idosos a praticarem exercícios e saírem do sedentarismo).

 

O espaço

Espaço de múltiplo uso, como lazer, e contemplação da natureza pelos munícipes e turistas. Com uma proposta de intervenção urbana mínima, de maneira que valorize a observação da flora e fauna, e para que não seja perdido a originalidade do local. As alterações paisagísticas do local buscam agregar uma possibilidade de lazer ao ar livre tendo como paisagem de fundo a floresta amazônica. Há disponível no Local uma academia ATI, banheiros, bosque, quiosques com internet wi-fi aberto, balanços para crianças, espaço com areia.

Fossa de evapotranspiração ou Fossa Ecológica

É um sistema fechado, ou seja, estanque, e não há saída de água, seja para filtros ou sumidouros. Nele ocorre a decomposição anaeróbia (sem a presença de ar) da matéria orgânica, mineralização e absorção dos nutrientes e da água, pelas raízes dos vegetais.

As bananeiras, taiobas e helicônias são plantadas na parte superficial da fossa, utiliza- se apenas da água e nutrientes disponíveis no fundo da fossa, sem contato direto com as raízes, uma vez que são várias camadas de materiais (pedras grandes e pequenas, areia, e na superfície a terra). As plantas liberam vapor de água pelas folhas, esse processo é chamado de evapotranspiração.

Curiosidade: O princípio da fossa ecológica é tratar o esgoto doméstico, para prevenir a contaminação do solo e do lençol freático, evitando a prática de ter esgoto ao céu aberto. No caso, não há contaminação com o subsolo e a água da Lagoa da Capivara.

 

Observação Importante: Os passeios em áreas privadas, necessitam ser agendados previamente.

E se você leitor, viu e gostaria de divulgar o seu passeio aqui, entre em contato conosco. Continuamos fazendo o cadastro de Serviços Turísticos de Alta Floresta.

Destacamos que, o turismo é uma alternativa viável para o desenvolvimento socioeconômico do município, traz diversas oportunidades como: intercâmbio cultural com povos de diversos lugares, incremento de renda, criação de novos postos de trabalho, atividades de proteção ambiental, surgimento de eventos tradicionais como a Caminhada na Natureza, o festival de música de Alta Floresta, Tecnoalta entre outros, e também a realização de outros roteiros integrados aos municípios vizinhos.

Fonte: Assessoria

COMPARTILHE!
WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE