Bem-vindo(a). Hoje é - Alta Floresta - MT

Cinco pessoas roubam avião e morrem após aeronave cair na Argentina

Cinco pessoas roubam avião e morrem após aeronave cair na Argentina
Nos siga no Instagram para receber as notícias em primeira mão!

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) – Cinco pessoas morreram na queda de um avião na província de Chaco, na Argentina. Segundo as autoridades locais, o grupo invadiu um hangar na manhã desta quarta-feira (18) e roubou a aeronave, um Cessna 206, derrubando o monomotor pouco depois de decolar. Em meio aos destroços foram encontrados uma arma e notas de guaranis paraguaios.

A origem do dinheiro e um gorro do time Cerro Porteño levaram a polícia argentina a conectar os invasores ao Paraguai. Até o momento, os corpos não foram identificados. O avião caiu a 7 km de Villa Angela, que faz fronteira com o país vizinho.

“Se (o Cessna) caísse na cidade, seria uma tragédia”, afirmou o delegado Sergio Ríos, responsável pela investigação do caso, à rádio local LT7. “Temos conversado com a Junta de Investigação de Acidentes de Aviação Civil (JIAAC) e trabalhamos para preservar o local da queda para a perícia, retirando apenas os corpos”, detalhou.

Ainda segundo a autoridade, a identificação dos corpos será “difícil”, já que o avião foi totalmente consumido pelo fogo após a queda. Apesar da ausência de nomes, ele garantiu que os tripulantes responsáveis pelo roubo “não são de lá”.

A polícia e os bombeiros da província argentina foram notificados do acidente por dois trabalhadores rurais que acompanharam o avião perdendo altura.

Nos destroços, as equipes de resgate encontraram também um telefone satelital, que permitia aos tripulantes continuar conectados com as pessoas em terra durante o voo. O aparelho seria um sinal de “certa organização logística” do grupo que roubou a aeronave, que ainda teve que burlar uma série de alarmes “muito sofisticados” para invadir o hangar em que ela estava guardada.

Apesar do plano sofisticado, uma das teorias levadas em consideração pela polícia, de acordo com a AFP, é de que os ladrões teriam esquecido de ativar o sistema de combustível do Cessna, que é complexo para viajantes sem experiência com o modelo, sofrendo uma pane seca logo após sair do chão.

O Cessna 206 conta com cinco assentos e pertencia a um empresário do agronegócio, que adquiriu o monomotor recentemente. O valor de mercado do modelo é estimado em cerca de US$ 1,5 milhão de dólares (aproximadamente R$ 7,7 milhões, na cotação atual).

Uma ocorrência semelhante foi registrada a menos de um mês, em 25 de dezembro, na mesma província, quando um grupo de cinco pessoas roubou um avião do aeroclube de Resistência, capital de Chaco, levando-o até a Bolívia.

Fonte: https://www.noticiasaominuto.com.br/rss/mundo
Artigo extraído do site Notícias Ao Minuto

COMPARTILHE!
WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE