Bem-vindo(a). Hoje é - Alta Floresta - MT

Nadal sente dores no quadril e perde na 2ª rodada na Austrália; Swiatek avança

Nadal sente dores no quadril e perde na 2ª rodada na Austrália; Swiatek avança
Nos siga no Instagram para receber as notícias em primeira mão!

Rafael Nadal protagonizou nesta quarta-feira a primeira grande surpresa do Aberto da Austrália. O tenista espanhol foi eliminado ainda na segunda rodada do primeiro Grand Slam da temporada, disputado em Melbourne, após sentir dores no quadril ao longo da partida contra Mackenzie McDonald. O americano venceu por 3 sets a 0, com parciais de 6/4, 6/4 e 7/5.

“É um momento difícil. É um dia complicado. Eu não posso dizer que não estou destruído mentalmente neste momento, porque eu estaria mentindo”, declarou o atleta de 36 anos, acostumado a enfrentar problemas físicos ao longo da carreira. Desta vez, a lesão é no quadril, pelo lado esquerdo.

“É o quadril esquerdo. Não sei o que está acontecendo. Se é o músculo, se é uma articulação. Tenho histórico com o quadril, já fiz tratamentos no passado, mas não foi assim. Agora é difícil saber, mas vou fazer os exames”, explicou o espanhol, atual número dois do mundo e segundo cabeça de chave na Austrália.

O novo problema físico volta a colocar uma sombra sobre a carreira de Nadal, que já havia enfrentado uma temporada difícil em 2022, principalmente no segundo semestre, em razão de diferentes lesões. O tenista chegou a falar abertamente sobre aposentadoria e sobre o cansaço de viver cada processo de recuperação física.

Nesta quarta, Nadal demonstrou estar abaixo do seu nível técnico mesmo antes de dar maiores sinais de dor em quadra. “É difícil, mas espero que não seja nada muito grave. Passei por esse processo muitas vezes na minha carreira e acho que estou pronto para continuar. Mas não é fácil.”

O atual campeão do Aberto da Austrália acabou sendo dominado com certa facilidade pelo rival de pouca expressão, 65º do ranking e dono de apenas uma final de nível ATP na carreira. Nadal, por sua vez, brigava para ampliar o recorde de títulos de Grand Slam (22), que é seu. Agora corre o risco de ver Novak Djokovic igualar essa marca se o sérvio se destacar em Melbourne.

Na terceira rodada, Mackenzie McDonald vai enfrentar o japonês Yoshihito Nishioka. Quem também avançou na competição foram o canadense Felix Auger-Aliassime (6º), o italiano Jannik Sinner (15º) e o americano Frances Tiafoe (16º).

FEMININO

Na outra chave de simples, a líder do ranking Iga Swiatek superou a colombiana Camila Osorio por 6/2 e 6/3 e segue mostrando força em Melbourne. A polonesa vai enfrentar agora a espanhola Cristina Bucsa, atual 102ª do ranking.

A americana Jessica Pegula (3ª) e a grega Maria Sakkari (6ª) também se garantiram na terceira rodada. Pegula superou a belarussa Aliaksandra Sasnovich por 6/2 e 7/6 (7/5), enquanto Sakkari derrotou a russa Diana Shnaider por 3/6, 7/5 e 6/3. A tenista dos Estados Unidos vai encarar agora a ucraniana Marta Kostyuk. Sakkari duelará com a chinesa Lin Zhu.

Também avançaram as cabeças de chave Madison Keys (10ª), Jelena Ostapenko (17ª) e Barbora Krejcikova (20ª). Já a checa Petra Kvitova (15ª) se despediu de forma precoce, na segunda rodada.

Ainda pela rodada de abertura, em razão do atraso na programação de segunda, estrearam com vitória nesta quarta a polonesa Magda Linette e a russa Anastasia Potapova.

Fonte: https://www.noticiasaominuto.com.br/esporte
Artigo extraído do site Só Notícias

COMPARTILHE!
WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE